Menu
quarta, 27 de janeiro de 2021
Polícia

Juíza emite mandado de prisão preventiva a acusado de espancar jovem na Capital

Prisão

09 janeiro 2014 - 09h29Por Ana Rita Chagas

O acusado de de agredir fisicamente Giovanna Nantes Tressi Oliveira, 18,  após uma discussão no último dia 1º de janeiro ainda não foi encontrado pela polícia para cumprir o mandado de prisão preventiva decretado na última quarta-feira (8)  pela juíza da 1ª Vara de Violência domestica de Campo Grande, Simone Nakamatsu. Segundo a polícia, o endereço dado por Matheus Georges Zadra Tannous, 19, até agora não foi encontrado.

Caso - Giovanna Nantes Tressi Oliveira teve o rosto quebrado em quatro partes durante a virada de ano na Capital. Giovanna está internada na Santa Casa de Campo Grande, e o principal suspeito é o namorado da jovem, Matheus George Tannous.

Na última terça-feira (7), o Matheus  Tannous  compareceu na DEAM (Delegacia Especializada de Proteção à Mulher) para prestar depoimento sobre o acidente ocorrido com a jovem no último dia 1º de janeiro. Matheus George Tannous, 19 anos chegou sozinho, mas na sequência dois advogados que o representam, Leonardo Rosa e Armando Flávio Garcia acompanharam o depoimento que levou mais de duas horas.

Segundo o advogado de Matheus, o rapaz explicou o ocorrido no dia do acidente e disse que não há nenhuma acusação confirmada. “As declarações feitas foram sobre o acidente relatado à Polícia Militar. Não há nenhuma acusação contra o Matheus”, ressaltou Garcia.