GOV AGEMS
Menu
quarta, 08 de dezembro de 2021 Campo Grande/MS
CONSTRUINDO O SABER 29/11 A 29/12
Polícia

Amorim e Giroto fazem exame de corpo de delito no Imol

10 maio 2016 - 10h57Por Dany Nascimento e Geovanni Gomes

O ex-secretário de Estado de Obras, Edson Giroto e o empresário João Amorim, acompanhado de outras pessoas, acabaram de deixar a sede do Imol (Instituto de Medicina e Odontologia Legal) em uma van da Polícia Federal. Como estão presos temporariamente, Amorim e Giroto ficaram no Imol por aproximadamente 40 minutos para fazer exame de corpo de delito.

Após o exame de corpo de delito, Amorim e Giroto foram levados de volta para a Superintendência da Polícia Federal em Campo Grande e continuam presos.

O advogado de João Amorim, Benedito Figueiredo deixou a sede da Superintendência alegando que desconhecia os motivos que levaram o empresário a ser preso novamente.

Já o advogado de Giroto, Jail Azambuja afirmou que a esposa do ex-secretário, Rachel Giroto também teve prisão temporária decretada e foi levada para a Superintendência da Polícia Federal em Campo Grande.

O casal foi preso por volta das 6 horas e encaminhados para a sede da Superintendência da Polícia Federal em Campo Grande. Conforme o advogado, a decisão de prisão não acompanhou os mandados que foram anexados ao processo.