Menu
domingo, 29 de novembro de 2020
Polícia

Bandidos morrem após confronto com a polícia

Baleados

07 novembro 2013 - 00h00Por Kerolyn Araújo

Dois homens de 18 e 24 anos, morreram na noite de ontem (06), após serem baleados em um confronto com militares do Batalhão de Polícia de Choque (BPChq), próximo a Rochedo. A dupla tentava roubar um caminhão quando foi abordada pelos policiais.

O motorista do caminhão, um homem de 37 anos, informou a polícia que por volta das 16h, foi rendido por quatros homens armados com revólveres, em Campo Grande, na saída para Rochedo.

Dois homens entraram no caminhão e exigiram que o motorista dirigisse até Terenos. Durante o trajeto, os bandidos mandaram que ele parasse o caminhão, e com um fio de nylon, amarraram a vítima. Logo após, os bandidos receberam um telefonema ordenando que eles voltassem para a saída de Rochedo.

Durante o caminho de volta, o dono do caminhão avistou o motorista e parou para perguntar quem eram os dois homens que estavam dentro do veículo com ele. Sob ameaça, a vítima informou que os dois elementos haviam pedido carona. Desconfiado, o dono do caminhão acionou a polícia militar.

Os policiais começaram as buscas e encontraram o caminhão. Depois da abordagem, os suspeitos desceram do veículo e começaram a atirar contra a polícia, enquanto tentavam fugir por um matagal na beira da via. Durante a perseguição, os bandidos foram baleados.

Os homens foram encaminhados para a Santa Casa de Campo, mas não resistiram e morreram. O motorista do caminhão não ficou ferido.

Os outros dois  comparsas não foram encontrados. O caso será investigado pela Delegacia Especializada em Furtos e Roubos de Veículos (Defurv).

Leia Também

Três sortudos levaram R$ 33 mil no sorteio da Nota MS Premiada
Economia
Três sortudos levaram R$ 33 mil no sorteio da Nota MS Premiada
GCM encerra festa com mais de 350 pessoas em chácara em Campo Grande
CORONAVÍRUS
GCM encerra festa com mais de 350 pessoas em chácara em Campo Grande
Segundo corpo é encontrado na Chácara das Mansões
Polícia
Segundo corpo é encontrado na Chácara das Mansões
Delegada se revolta, após soltura de advogado e mais seis envolvidos em caso de pedofilia e estupro
Polícia
Delegada se revolta, após soltura de advogado e mais seis envolvidos em caso de pedofilia e estupro