tjms 18/01 a21/01/2021
Menu
quarta, 20 de janeiro de 2021
dengue
Polícia

Bebê morre e família encontra cadáver cheio de formiga e lençóis sujos em hospital de Corumbá

Polícia Civil já foi até o local apurar o caso

07 março 2020 - 14h26Por Thiago de Souza

Familiares de Killian Lima de Carvalho, bebê que morreu após três dias de nascido, em Corumbá, denunciam que o cadáver do pequeno estava em uma sala do hospital, coberto por formigas e envolto em lençóis sujos, na madrugada deste sábado (7), em Corumbá. 

Conforme o Diário Corumbaense, Killian nasceu de cesárea, no dia 4 deste mês, acometido de icterícia, doença que deixa a pele e os olhos amarelados. Essa mazela é comum e tratável, mas pode desencadear outros problemas e levar à morte. 

A doença de Killian foi percebida rapidamente, mas o quadro de saúde piorou, inclusive a transferência para Campo Grande foi cogitada. Porém, na madrugada de hoje, o pequeno não resistiu e morreu. Ainda segundo o Diário Corumbaense, os pais foram avisados da morte por volta das 6h. O pai do menino e a tia foram até o hospital e avisados que o corpo estava no necrotério. 

A tia foi até o local sozinha e disse ter visto o corpo do bebê enrolado em lençóis sujos e cheio de formigas. 

"Estamos todos chocados, jamais imaginamos passar por isso", disse um tio da criança.  

Até o fechamento desta matéria, a diretoria do Hospital de Corumbá não havia se manifestado ao site. A Secretaria Municipal de Saúde  prometeu acompanhar o caso junto da diretoria da unidade hospitalar. 

A Polícia Civil esteve no hospital e colheu as primeiras informações sobre o caso.