Menu
terça, 24 de novembro de 2020
Polícia

Casa caiu: operação "Gato Preto" apreende quatro pessoas, cheques e mais de R$92 mil

Campo Grande e Ponta Porã

05 novembro 2013 - 16h30Por Kerolyn Araújo

A operação "Gato Preto", desencadeada nesta terça-feira (05) pelo Gaeco, Polícia Civil e Batalhão de Choque da Polícia Militar, resultou na apreensão de quatro pessoas, armas de fogo, dezenas de cheques, além de R$92,2 mil em dinheiro.

A operação foi realizada em Campo Grande e Ponta Porã, com o intuito de cumprir 13 mandatos de busca e apreensão expedidos pelo Poder Judiciário da comarca de Campo Grande, além de combater crimes como lavagem de dinheiro e exploração de jogos de azar, como o jogo do bicho e máquinas caça-níquel.

Durante os dez meses de investigações, foram apreendidos mais de 60 máquinas caça-níquel na Capital, além de produtos eletrônicos utilizados na montagem das mesmas. Também foi apurado o envolvimento do grupo criminoso na região do Conesul do Estado e diversas contas bancárias de pessoas físicas e jurídicas para despistar a origem do dinheiro do jogo do bicho.

Das quatro pessoas presas, duas foram capturadas em Campo Grande e encaminhadas para DECO (Delegacia Especializada de Combate ao Crime Organizado), e as outras duas em Ponta Porã, que foram levados para a Delegacia de Polícia Civil da cidade.

 

 

Leia Também

Está faltando cerveja no mercado: bebida começa a faltar no Brasil
Geral
Está faltando cerveja no mercado: bebida começa a faltar no Brasil
Vendedor diz que guarda municipal faz concurso a “nível macaco” e se dá mal
Polícia
Vendedor diz que guarda municipal faz concurso a “nível macaco” e se dá mal
Senador é suspeito de estuprar jovem depois de festa em São Paulo
Política
Senador é suspeito de estuprar jovem depois de festa em São Paulo
Geraldo Resende alerta para novo aumento de casos da covid em MS
CORONAVÍRUS
Geraldo Resende alerta para novo aumento de casos da covid em MS