Menu
terça, 27 de julho de 2021
SEGOV - MICROCREDITO 27 A 29/07
Polícia

Durante briga, homem leva 20 facadas em pleno centro da Capital e fica em estado grave

Investigadores de polícia passavam pelo local, viram a cena e pararam para socorr a vítima

31 dezembro 2016 - 08h15Por Rodson Willyams

Um homem identificado apenas por Oscar, de 30 anos, foi esfaqueado durante uma briga que aconteceu na Praça do Igreja São Antônio, na região central de Campo Grande. O caso ocorreu por volta de 1 hora deste sábado (31). A vítima foi atingida por 20 golpes e passou por cirurgia plástica na Santa Casa da Capital, mas estado de saúde é grave e corre risco de morte.

Segundo o registro policial, investigadores da polícia passavam pela Avenida Calógeras, quando viram dois homens brigando, sendo que um deles estava com uma faca e desferia golpes contra o outro que segurava o pescoço do autor. Imediatamente, os investigadores pararam e deram ordem para que o autor parasse com as agressões e deteram o homem.

O Corpo de Bombeiros foi chamado e conforme consta no Boletim de Ocorrência, a vítima perdeu grande quantidade de sangue e estava em choque, perdendo a consciência. A vítima foi encaminhada para Santa Casa e corre risco de morte, além de estar entubada.

A vítima foi atingida por aproximadamente 20 facadas, distribuída entre o rosto, cabeça, tórax, pescoço e teve que passar por uma cirurgia plástica. Por volta das 6 hora de hoje, a vítima já havia saído do Centro Cirurgico, e o estado de saúde é considerado grave.

Conforme informações policiais, a vítima estava sem documentação e foi identificada apenas como Oscar, aparenta ter idade de aproximadamente 30 anos. A vítima tem pele parda, magro, aproximadamente 1.70 metros de altura.

O autor

Segundo a polícia, o autor foi identificado como João Ramão Martinez, de 20 anos, e também foi encaminhado para Santa Casa, uma vez, que apresentava uma lesão corto contusa na perna direita.

Após ser atendido, o homem foi encaminhado para a Delegacia de Polícia, a qual revelou ter revidado a uma 'injusta agressão'. O autor alega que a vítima teria também o golpeado na perna esquerda com uma faca, momento antes do fato.

Para se vingar, teria ido até a sua residência, pego duas facas e ao retornar ao local, atacou a vítima, golpeando por várias vezes até receber ordem de parada dos investigadores. O homem ainda relatou que não conhecia a vítima.

Os investigadores apreenderam no local, três facas, sendo duas pertencentes ao autor, e mais uma, possivelmente, pertencente a vítima. O caso foi registrado na Depac Centro, como homicídio simples na forma tentada.