Menu
sábado, 08 de agosto de 2020
Linha de frente - compet
Polícia

É MUITA GRANA: PRF descobre carregamento de cigarro avaliado em R$ 6 milhões

Uma das cargas iria para o Rio Grande do Sul

20 novembro 2019 - 15h50Por Thiago de Souza

Polícia Rodoviária Federal da base de Guaíra (PR) interceptou carregamentos de 1,2 milhões de carteiras de cigarros, nesta terça-feira (19) e quarta-feira (20). O valor das duas cargas do produto contrabandeado do Paraguai é de R$ 6 milhões.

Conforme a Agência Brasil, uma das cargas apreendidas estava escondida sob uma camada de milho, em uma carreta abordada pelos policiais rodoviários, no perímetro urbano de Guaíra.

Na abordagem, o motorista de 39 anos aparentou nervosismo e fez com que os policiais revistassem o veículo. Lá foram encontradas 600 mil carteiras de cigarro, que seriam, segundo o suspeito, levadas para o Rio Grande do Sul.
A outra apreensão ocorreu na BR-163, perto de Toledo (PR). Dentro de um caminhão-baú, tipo frigorífico, os agentes  descobriram outras 600 mil maços.  

A PRF disse que o motorista desobedeceu as ordens de parada. Após atravessar o pátio de um posto de combustíveis, ele parou o caminhão ao lado de uma área de mata, saltou da cabine e fugiu a pé. Os agentes fizeram uma busca na região, mas ele não foi encontrado.

Na cabine foram encontrados documentos do caminhão com indícios de adulteração. Tanto o veículo quanto o semirreboque portavam placas de identificação falsas.

 

Leia Também

Ciro Gomes diz que trabalha para ser presidente e prender família Bolsonaro
Geral
Ciro Gomes diz que trabalha para ser presidente e prender família Bolsonaro
Corpo de mulher é achado enterrado em casa abandonada e dois são presos em Três Lagoas
Interior
Corpo de mulher é achado enterrado em casa abandonada e dois são presos em Três Lagoas
Saúde de Corumbá anuncia mais quatro mortes pela covid; total é 57
Cidade Morena
Saúde de Corumbá anuncia mais quatro mortes pela covid; total é 57
Com mais 1079 mortes, Brasil se aproxima dos 100 mil óbitos pela covid-19
Geral
Com mais 1079 mortes, Brasil se aproxima dos 100 mil óbitos pela covid-19