segunda, 15 de julho de 2024

Busca

segunda, 15 de julho de 2024

Link WhatsApp

Entre em nosso grupo

2

WhatsApp Top Mídia News
Ribas do Rio Pardo

há 1 mês

Em menos de 24 horas, polícia esclarece morte de taxista e finaliza caso em Ribas (vídeo)

Polícia encontrou autores após carro da vítima ser localizado em Campo Grande e movimentações financeiras serem feitas

Em menos de 24 horas, o SIG (Setor de Investigações Gerais) da Polícia Civil de Ribas do Rio Pardo esclareceu a morte do taxista Devanir da Silva Santos, 35 anos. Ele estava desaparecido desde a noite de terça-feira (11) e foi achado morto, em área de mata, vítima de latrocínio (que é matar para roubar), na manhã desta quarta-feira (12).

Conforme o perfil Ribas Ordinário, o profissional teria sido sequestrado e roubado, sendo o carro dele, um Toyota Corolla abandonado na Vila Santa Dhorotéa, em Campo Grande. Uma ação da Polícia Civil de Ribas e da Delegacia Especializada de Repressão a Roubos a Bancos, Assaltos e Sequestros, o GARRAS, terminou com bandidos presos em Ribas e Campo Grande. 

Segundo o Dr. Felipe Braga, delegado de polícia em Ribas do Rio Pardo, após denúncia do desaparecimento, foi feito diversos esforços e diligências atrás da vítima. As ações contaram com apoio do Garras, em Campo Grande, após descoberta do carro de Devanir e transações financeiras na Capital.

"A gente começou a invocar esforços e ficamos sabendo que o carro dele foi visto às 9 horas da noite, na terça-feira, na cidade de Campo Grande. Ficamos sabendo de diversas transações financeiras possíveis que ele haveria feito e, como os possíveis autores estavam na cidade de Campo Grande, foi feito contato com a delegacia especializada Garras", afirma Braga.

De acordo com o delegado, após esforços em Campo Grande, um dos suspeitos foi encontrado na cidade. Em seguida, com informações do Garras, outro autor foi localizado em Ribas do Rio Pardo.

Após prisão, os dois suspeitos confessaram o crime e apontaram o local em que o corpo de Devanir foi deixado. O corpo foi localizado e, em Campo Grande, o terceiro autor foi localizado e preso.

 

Loading

Carregando Comentários...

Veja também

Ver Mais notícias
AMIGOS DA CIDADE MORENA ABRIL NOVEMBRO