Maracaju III agosto verde 2022
TOP MIDIA INSTITUCIONAL
Menu
quarta, 17 de agosto de 2022 Campo Grande/MS
Dengue agosto
Polícia

Filha impediu que pai atirasse em policiais no momento da prisão

Homem é suspeito de duplo assassinato em lava-jato

28 junho 2022 - 16h10Por Nathalia Pelzl e Vinicius Costa

Joe Magnun, apontado como assassino do empresário Luiz da Conceição Thierre, 36 anos, estava com a filha, de apenas 8 anos, no momento da prisão que aconteceu na tarde desta terça-feira (28), pelo GOI (Grupo de Operação e Investigação), no bairro Santo Antônio, em Campo Grande.

Joe é o principal suspeito de duplo homicídio no lava-jato na Avenida das Bandeiras. Além de Luiz, o eletricista Adriano Medeiros Pereira, 33 anos, morreu atingido por uma bala perdida.

A criança, inclusive, gritou e impediu que ele atirasse em um dos policiais nesta terça.

CRIME

No dia do crime, 27 de maio, Luis chegou em um veículo Fusion, de cor branca. Enquanto abria o estabelecimento, dois homens, que estavam na rua lateral, se aproximaram e começaram a atirar na vítima.

O empresário saiu correndo, foi atingido por alguns disparos e caiu na via. Um dos atiradores se aproximou e deu um tiro na cabeça da vítima.

Adriano não tinha nada a ver com a história. O eletricista passava pelo local, quando também foi atingido por um disparo, tentou acelerar a motocicleta e caiu. Ele morreu próximo do lava-jato.