Menu
segunda, 28 de setembro de 2020
Polícia

Flagrado com arma 'raspada' e de uso restrito, comerciante é solto e revolta moradores

Suspeito ainda estava de posse de dez munições de calibre .32

08 maio 2019 - 09h22Por Thiago de Souza

Testemunhas, que não quiseram se identificar, se mostraram revoltadas com a soltura de um comerciante de 43 anos, flagrado com arma de uso restrito, além de estar com numeração raspada, em Nova Alvorada do Sul. Ele teria saído da delegacia rindo de quem o prendeu.

Conforme o boletim de ocorrência, o suspeito ocupava um Nissan Versa e teria desviado o trajeto ao ver a viatura da Polícia Militar. Ele foi abordado e flagrado com pistola da marca Taurus, calibre 7.65, além de 10 munições de calibre .32

À Polícia Civil, ele relatou que comprou a arma em Dourados, há nove anos, após ter sido vítima de um assalto, onde a empresa perdeu R$ 140 mil.

Suspeito teria saído rindo da delegacia. (Foto: Reprodução R1News)

Ao TopMídiaNews, testemunhas informaram que o homem, ao saber que estava liberado, teria dado risada dos policiais que o prenderam.

Apesar da revolta pela soltura, o juiz Cezar Fidel Volpi, da Comarca Única de Nova Alvorada do Sul, explicou que não há motivos para manter o suspeito preso e dispensou a audiência de custódia.

Em nove páginas, o magistrado destacou que há ainda a suspeita de embriaguez ao volante, mas que não há notícia de que o homem possa cometer novos crimes. Também  não haveria risco à ordem pública e que o indiciado não possui passagens ou condenações em que não caibam mais recursos.

''A prisão preventiva é medida excepcional'', escreveu Volpi. Em outro trecho da decisão, o juiz interpreta que o ''clamor social'' não pode servir de motivo que autoriza prisão preventiva.

Ao suspeito, em vez de prisão, o magistrado aplicou medidas cautelares como proibição de deixar a cidade e comparecimento à Justiça a cada 15 dias.

Leia Também

Prefeito de Rio Verde vai processar bolsonaristas que participaram de confusão com arma
Polícia
Prefeito de Rio Verde vai processar bolsonaristas que participaram de confusão com arma
Jovem encontra corpo do irmão enterrado no quintal do vizinho
Geral
Jovem encontra corpo do irmão enterrado no quintal do vizinho
Glória Maria lamenta excesso de militância: 'qualquer coisa é racismo, assédio, tá um saco'
Geral
Glória Maria lamenta excesso de militância: 'qualquer coisa é racismo, assédio, tá um saco'
Bêbado, homem é preso por dirigir Fiorino sem dois pneus em Chapadão do Sul
Interior
Bêbado, homem é preso por dirigir Fiorino sem dois pneus em Chapadão do Sul