Menu
sábado, 24 de julho de 2021
PMCG REFIS 16 A 29/07
Polícia

Funcionário público é condenado por estuprar criança de 7 anos em Três Lagoas

Ele era namorado da avó da criança

21 julho 2021 - 08h55Por Dany Nascimento

Um funcionário público de 60 anos perdeu o cargo público após ser condenado a oito anos de reclusão, em regime semiaberto, acusado de estuprar uma menina de 7 anos, em Três Lagoas. 

Ele foi afastado do cargo em outubro do ano passado, por abusar da neta da namorada. Segundo o Inquérito policial, no dia 2 de novembro de 2014, o suspeito aproveitou que a neta ficava com a avó, enquanto a mãe trabalhava, durante o dia. 

A menina chegava dormindo e a mãe colocava a criança no sofá da casa da avó. O suspeito pernoitava no local. Quando a mãe saiu, o idoso tirou o short e a calcinha da criança e colocou a boca nas nádegas da menina, chamando a menina de ‘gostosa’. 

O acusado introduziu os dedos na vagina da criança, que pediu para o suspeito para. Ele negou e continuou praticando o crime. 

A vítima contou o ocorrido para a mãe e disse que ele também tentou beijar sua boca. A genitora procurou a Deam (Delegacia de Atendimento à Mulher) de Três Lagoas. 

Ela solicitou medidas protetivas de urgência para a filha.  A menina relatou todo o ocorrido para uma psicóloga. 

O denunciado entrou com recurso solicitando absolvição por falta de provas.