TJMS JANEIRO
Menu
domingo, 23 de janeiro de 2022 Campo Grande/MS
Polícia

Guarda Municipal suspende início do uso de armas de fogo até próximo trimestre

Armamento

08 dezembro 2015 - 19h00Por Anna Gomes

Depois de escândalos envolvendo a Guarda Municipal, inclusive homicídios, o armamento dos agentes de segurança foi adiado para o primeiro trimestre do ano que vem. Ao todo, 200 homens estariam possibilitados para usarem armas de fogo durante o trabalho, segundo o comandante da categoria Marcos Escanaichi.

A Guarda Civil Municipal pode portar arma de fogo por conta da aplicação da Lei Federal 13.022. Em vigor desde 2014, dentre as medidas, dá essa garantia à categoria, apesar da polêmica entorno do assunto. Em Campo Grande, ao longo de 2015, os guardas ainda não estariam aptos, pois precisavam passar por uma série de cursos de capacitação.

Ainda conforme o comandante, o processo de armamento foi suspenso e, em 2016, deve ser lançado um novo edital para que os agentes possam participar de novos treinamentos, mais abrangentes.

O antigo processo de armamento era feito em duas fases, agora outro método, com mais treinamento será realizado no ano que vem.