Menu
sábado, 31 de outubro de 2020
Polícia

Homem é surpreendido roubando alimentos em supermercado de Dourados

Dourados

26 fevereiro 2014 - 18h20Por Aline Oliveira

Na manhã desta quarta-feira (26), Wellington dos Santos Bongiovani, 27 anos, foi preso por furtar alimentos no supermercado Atacadão, localizado na Vila Industrial, em Dourados. O encarregado da segurança na empresa alegou que em outra ocasião, o acusado já teria feito a mesma coisa, retirando vários produtos e não realizando o pagamento.

 

Ao fazer o monitoramento, o segurança verificou que Bongiovani voltou a cometer o delito e o abordou quando já estava com as mercadorias no estacionamento de motocicletas. Neste momento, a Polícia Militar foi acionada e quando questionado, o acusado informou que teria um esquema com funcionários do supermercado para conseguir retirar as mercadorias do local.

 

Um dos funcionários do supermercado que trabalharia no setor de frios colocava os produtores que os compradores encomendavam e outro funcionário facilitava a passagem de Bongiovani, sem conferir as mercadorias. Os produtos eram vendidos posteriormente e o lucro dividido entre ambos.

 

Os dois funcionários informaram a polícia que desconheciam Bongiovani e os policiais acompanharam o acusado até a residência onde encontraram uma caixa de papelão contendo quatro caixas de cerveja Skol, dois litros de whisky Bell’s e uma peça de queijo mussarela Dona Luiza de quase 4 kg. Diante de mais um flagrante, o acusado recebeu voz de prisão e encaminhado a Polícia Civil.

 

Leia Também

Em último programa, Maisa se emociona em despedida do SBT
Geral
Em último programa, Maisa se emociona em despedida do SBT
Ciclista mostra pernas após 4 horas de treino e impressiona fãs
Geral
Ciclista mostra pernas após 4 horas de treino e impressiona fãs
Após semana de chuva, MS tem calor de 34°C em várias regiões
Cidade Morena
Após semana de chuva, MS tem calor de 34°C em várias regiões
Bebê de 9 meses morre e Polícia apura sinais de abuso
Interior
Bebê de 9 meses morre e Polícia apura sinais de abuso