ALMS CONTAR 25/06 A 27/06
(67) 99826-0686

Jovem com mais 80 passagens policiais morre em troca de tiros na Capital

O rapaz trocou tiros com o Batalhão de Choque e foi atingido por três disparos

24 DEZ 2016
Anna Gomes
11h39min
Foto: Divulgação

Murilo Henrique Crisanto de Lima, 21 anos, morreu na madrugada deste sábado (24), durante uma troca de tiros com os policiais do Batalhão de Choque, no Jardim Noroeste, em Campo Grande. O suspeito teria mais de 80 passagens policiais.

De acordo com o tenente Pablo Soares, os policiais do Batalhão de Choque estavam fazendo rondas pelo bairro, quando viram Murilo e outro homem em atitude suspeita. Quando os policiais foram fazer a abordagem, um deles fugiu em um matagal, enquanto Murilo procurou refúgio em uma residência.

Ainda conforme o tenente, Murilo passou a realizar vários disparos de arma de fogo contra os policiais, que revidaram atingindo o suspeito com três disparos na região do tórax. Ele foi socorrido e encaminhado para a Santa Casa, mas morreu no hospital.

Murilo possui uma extensa ficha criminal, sua vida com o crime começou aos 14 anos e depois o seu histórico foi só aumentando, contabilizando mais de 80 passagens, fora as que não foram registradas.

Os crimes incluem desde furtos, porte ilegal, até tráfico de drogas. Desde o seu primeiro registro, Murilo teve 37 comparsas ajudavam nos delitos. Na casa, os policiais encontraram vários objetos furtados como notebook, tabletes, máquina fotográfica, além de dois carros. A arma, um revólver calibre 38, usada pelo suspeito para atirar contra a polícia foi apreendida. 

Veja também