Menu
segunda, 17 de janeiro de 2022 Campo Grande/MS
Polícia

‘Lula’ é preso vendendo drogas para clientes de ‘luxo’ em Campo Grande

15 outubro 2015 - 10h50Por Mariana Anunciação

Conhecido como Lula, Luís Roberto Bezerra Siqueira, 33 anos, foi preso em flagrante por tráfico de drogas e posse irregular de arma de uso restrito, na tarde de ontem (15), durante operação da Delegacia Especializada de Repressão ao Narcotráfico (Denar), na Rua Dos Andes, no Bairro Marcos Roberto.

Após denúncia anônima, a equipe policial foi até a residência do suspeito para monitorar o local que aparentava ser uma “boca de fumo”. Ao verificar a presença de um usuário de drogas, a guarnição entrou na residência e encontrou uma pistola ponto 40 municiada em cima do sofá, 29 porções de cocaína e R$7.500,00.

“Trata-se de um indivíduo de alta periculosidade, com diversas passagens, inclusive latrocínio (roubo seguido de morte). Era foragido da Gameleira desde janeiro de 2013 e estava atuando no tráfico. Sua clientela era de alto poder aquisitivo, ele vendia cada porção por R$ 50. O grau de pureza do produto está agregado com o alto valor”, contou hoje (15), o delegado responsável pela investigação, João Paulo Sartori.  

A princípio, Luís não queria se pronunciar com a imprensa, dizendo responder apenas em juízo. Mas ao ser questionado sobre o apelido, Lula diz não saber. “Tenho o apelido desde pequeno”. Ele alega ser eletricista e que estava envolvido com o tráfico de drogas a cerca de 8 meses. “Falta de opção. Sou foragido, ninguém me dá oportunidade nenhuma. Tive que fazer isso”, se defende, Lula.

 

Foto: Landerson Ricardo

Por pertencer à Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública (Sejusp), o revólver será periciado para ser possível sua identificação, pois o número de série foi raspado. Lula será mantido na Denar, enquanto aguarda uma vaga para ser encaminhado ao presídio, onde deverá responder por seus delitos.