Menu
sábado, 31 de outubro de 2020
Polícia

Marido diz que foi enganado pela mulher sobre rapto de bebê no Dom Antônio

Sequestro

25 novembro 2013 - 17h34Por Aline Oliveira e Willian Leite

Terminou a poucos minutos o depoimento de Carlos dos Santos (25), esposo da acusada Renata Silvia de Jesus (33), acusada de sequestrar uma menina recém nascida no último dia 16 novembro. O sequestro aconteceu no bairro Dom Antonio Barbosa e vem sendo investigado pela DPCA (Delegacia Especializada de Proteção a Criança e ao Adolescente).


Santos trabalha como salgadeiro e afirma não ter nenhum envolvimento no planejamento do sequestro feito pela companheira Renata. "Eu fui enganado achando que teria um filho, que na verdade nunca existiu. Meu maior sonho sempre foi ser pai, jamais faria isso", declarou emocionado.


O suspeito se apresentou hoje na DPCA acompanhado de dois advogados e afirmou que no dia do sequestro não desconfiou de nenhuma movimentação estranha. "Eu convivi dois anos com uma pessoa que achava que conhecia, mas que na verdade nunca conheci de verdade. Eu já tinha tatuado até o nome da criança no meu peito e a acompanhava em todos os exames pré-natais", reclamou.


Com o término do depoimento de Santos, o advogado de Renata entrou para confrontar as informações do casal.

 

Leia Também

Presidiários e policiais são flagrados em festinha em presídio no Paraguai
Interior
Presidiários e policiais são flagrados em festinha em presídio no Paraguai
Na Lata: bolsonarista defende Pedro Kemp e paga mico ao denunciar candidato do PSL
Na Lata
Na Lata: bolsonarista defende Pedro Kemp e paga mico ao denunciar candidato do PSL
Candidatos fazem críticas e prometem investir em empregos e educação em horário noturno
Cidade Morena
Candidatos fazem críticas e prometem investir em empregos e educação em horário noturno
Em 24 horas, 508 brasileiros morrem de covid-19, diz Ministério da Saúde
Geral
Em 24 horas, 508 brasileiros morrem de covid-19, diz Ministério da Saúde