Menu
Busca sábado, 07 de dezembro de 2019
Polícia

Menino que foi atropelado pelo vizinho passa por cirurgia na Capital

Rapaz de 21 anos não possui CNH e fazia uso de telefone celular no momento do atropelamento

13 agosto 2019 - 16h08Por Da redação/Diário Corumbaense

O menino Lucas Gabriel Martins, de 2 anos, que foi atropelado em Corumbá e levado para a Santa Casa de Campo Grande, está internado no CTI pediátrico em recuperação do procedimento cirúrgico pela neurocirurgia e plástica. A cirurgia ocorreu sem intercorrências, segundo informou a assessoria de imprensa do hospital ao Diário Corumbaense.

Lucas foi atropelado na tarde de domingo, 11 de agosto, pelo vizinho de 21 anos, que não tinha Carteira Nacional de Habilitação (CNH). O caso ocorreu no bairro Guatós, parte alta da cidade. Conforme o boletim de ocorrência 4127/2019, o pai relatou que estava com o filho em sua casa, e que num determinado momento saiu, atravessou a rua para levar a chave de uma caminhonete a uma pessoa e que a criança teria ido junto.

Ele ficou conversando com a pessoa e de repente escutou um grito e percebeu que era o seu filho. Ele se virou e viu o menino já embaixo do carro do vizinho sendo arrastado, momento que gritou e o motorista parou o veículo. Com graves ferimentos, o menino foi levado para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA), que fica no bairro, passando pela emergência.

A criança teve um corte profundo entre a boca e o nariz; o lado direito da cabeça e a orelha apresentavam sérias lesões. O garoto ainda tinha escoriações nos braços e pelo corpo e devido a gravidade do caso, foi encaminhado para a Capital do Estado com urgência.

O Diário também apurou que o condutor do carro prestou depoimento e foi autuado por lesão corporal culposa na direção de veículo automotor. Ele disse que estava mexendo no celular e que ao guardar o aparelho, saiu com o carro e não viu o garoto, que acabou sendo atropelado e arrastado.