(67) 99826-0686

Mulher entra em luta corporal com assaltante, mas tem carro levado no Rita Vieira

O homem teria invadido o veículo e ameaçado a vítima de morte

31 DEZ 2016
Rodson Willyams
09h22min
Foto: Geovanni Gomes / Arquivo

Maria Onorinda de Lima Lopes, de 55 anos, viveu momentos de terror, na noite desta sexta-feira (30), por volta das 20h45. A vítima conduzia seu veículo pela Rua Olinda Alves, quando parou próximo a uma pizzaria, no bairro Parque Residencial Rita Vieira, para pegar endereço de um restaurante. Neste momento foi surpreendida quando um homem invadiu seu carro e anunciou assalto.

Segundo registro policial, o homem aparentava ter 25 anos, de etnia indígena, e teria entrado no veículo afirmado à vítima. "Se gritar vai morrer agora. Dirige rápido e saí daqui". Nervosa, a mulher gritou e pediu por socorro quando o autor deu um tapa no rosto da vítima e disse que se gritasse novamente, a mataria.

A mulher relatou no Boletim de Ocorrência que implorou para que levasse o carro e a deixasse no local. No entanto, o rapaz insistiu que queria levá-la, quando a vítima reagiu e entrou em luta corporal com o indivíduo, conseguindo pular para o banco traseiro e escapar pela porta de trás do carro.

À polícia, a vítima ainda relatou que a chave estava na ignição e que o homem empreendeu fuga com o veículo. A mulher descreveu o autor como, além de ser de etnia indígena, magro, trajava camiseta de cor rosa, calça de cor bege e boné. A mulher afirmou que o rapaz estava bem limpo e arrumado, longe de quaisquer suspeitas. O caso foi registrado na Depac Piratininga, como roubo majorado pelo emprego de arma de fogo. 

Veja também