TOP MIDIA INSTITUCIONAL
Menu
sexta, 19 de agosto de 2022 Campo Grande/MS
Dengue agosto
PREFEITURA AGOSTO 2022 2
PREFEITURA AGOSTO 2022 2
Polícia

Padrasto baleado foge de hospital e menina atingida por bala perdida passa bem

José ficou por uma hora no hospital; Camila aguarda resultado de exames para avaliação médica

20 março 2019 - 09h24Por Dany Nascimento

É considerado estável o estado de saúde de Camila Batista Brounel, 24 anos, atingida por um disparo de arma de fogo no rosto na noite de ontem (19), em um ponto de ônibus da rua Paraisópolis, no bairro Santo Eugênio, em Campo Grande.

De acordo com a Assessoria de Imprensa da Santa Casa, a jovem permanece internada na área verde, consciente e orientada. Camila passa por exames para definir se terá necessidade de passar por procedimento cirúrgico.

Ela contou aos policiais que ouviu uma discussão próximo do ponto de ônibus e sentiu uma forte queimação no rosto. Camila foi socorrida por familiares e levada para a UPA (Unidade de Pronto Atendimento) Universitária, sendo transferida para a Santa Casa.

Na unidade de saúde, profissionais informaram aos militares que outro homem também teria dado entrada com um disparo no braço. Ao entrar em contato com José Carlos Santilio, 42 anos, a guarnição foi informada que houve uma discussão entre seu enteado, Pedro Wellington, e um jovem conhecido apenas como Pedrinho na região. Ao tentar defender o filho da esposa, José foi atingido por um tiro no braço esquerdo.

Ele foi com meios próprios para a UPA e foi encaminhado para a Santa Casa. Os policiais realizaram rondas na região, mas Pedrinho não foi localizado. Segundo a Assessoria da Santa Casa, José não aguardou atendimento e evadiu do local.

O caso foi registrado na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) Piratininga.