TCE JUNHO 2022
TOP MIDIA INSTITUCIONAL
Menu
segunda, 27 de junho de 2022 Campo Grande/MS
GOV ENERGIA ZERO JUNHO 2022
GOV CRESCIMENTO JUNHO 2022
GOV CRESCIMENTO JUNHO 2022
Polícia

Patrão que matou funcionário por dívida de R$ 200 tomou banho na casa da vítima antes de fugir

Ele era vizinho da família

16 março 2020 - 07h49Por Dany Nascimento

O patrão que matou o pedreiro Max Santos Gomes, 24 anos, a facadas tomou banho na casa da vítima após o crime. Ele teria cometido o crime após ser cobrado pelo funcionário por um serviço de R$ 200.

Segundo o G1, o suspeito de ter cometido o crime foi capturado pela polícia, mas acabou solto em seguida por não ter sido detido em flagrante.

Um dos dedos do agressor foi decepado e encontrado abandonado no local do crime.  A irmão de Max, Marina Vitória Santos Gomes, a mãe estava na casa e encontrou o filho morto ao sair do quarto.

Enquanto o suspeito tomava banho, a mãe fugiu da casa. O patrão era vizinho da família.