TJMS AGOSTO 2022
TOP MIDIA INSTITUCIONAL
Menu
terça, 09 de agosto de 2022 Campo Grande/MS
Dengue agosto
SENAI MOBILE JULHO AGOSTO 2022
SENAI MOBILE JULHO AGOSTO 2022
Polícia

Polícia Militar libera reféns e prende autor que ameaçava matar os filhos e se suicidar

Autor mantinha crianças em cárcere dentro de casa e foi contido com elastômero

27 agosto 2019 - 13h37Por Da redação/PMMS

Os policiais militares da 12ª Companhia Independente em Camapuã foram acionados nesta terça-feira (27) para atender uma ocorrência de cárcere privado, dois reféns foram liberados e o autor foi preso. O fato ocorreu nas imediações da rua Bonfim, na área central, uma mulher de 46 anos acionou a Polícia Militar e denunciou que o esposo, de posse de facas e uma arma de fogo, estava mantendo os filhos reféns dentro da residência.

A equipe da PM chegou ao local e constatou que o homem de dentro da casa a todo momento ameaçava matar as vítimas e cometer suicídio. A esposa do autor informou que ele possuía arma de fogo escondida dentro da residência. Os policiais realizaram um cerco ao local e tentou o primeiro contato com o autor pedindo para que o mesmo soltasse os filhos e se entregasse, porém respondeu em alto e bom tom que sairia apenas morto da casa.

Ao aproximar da janela, os policiais vislumbraram o autor revirando gavetas do guarda roupa possivelmente para localizar a arma de fogo, momento em que o autor levantou com duas facas nas mãos indo em direção ao quarto onde os filhos estavam. Nesse instante a guarnição atirou com munição de menor potencial ofensivo (elastômero) para cessar o intento do autor de chegar até o quarto das crianças, possibilitando a entrada dos militares na residência para utilizar de técnicas policiais e uso progressivo de força para contê-lo e libertar os menores, de 10 e 16 anos.

Foi apreendida dentro da residência, em cima do guarda roupa, um revolver calibre 38 com cinco munições intactas e as duas facas de 29cm e de 30cm de lamina. A solicitante relatou que vive maritalmente com o autor há 15 anos e que são corriqueiras as agressões e ameaças, bem comm irá pedir medidas protetivas por temer pela sua vida e dos filhos. O autor foi encaminhado juntamente com arma de fogo e as facas à delegacia de Polícia Civil para demais providências.