TCE MAIO
(67) 99826-0686

Jovens Punks são presos por vandalismo ao depredar escritório de deputado estadual

Depredação

15 DEZ 2013
Carlos Guessy
14h09min
Os dois jovens estão presos na Depac do Piratininga. Foto: Divulgação

Dois homens que se dizem punks, Iago Vinicius Argolo da Silva, 21 anos e Wellington Duarte de Souza, 19 anos, invadiram o escritório do deputado estadual José Almi Pereira Moura, o Cabo Almi, localizado no residencial João Scarano, no bairro Colibri, em Campo Grande, na manhã deste domingo (15) e depredaram boa parte do ambiente, quebrando vidros, cadeiras e vários computadores.

O ataque ocorreu por volta das 6h da manhã e vizinhos do escritório perceberam a ação e ligaram para a polícia, que faziam rondas pela região e imediatamente abordaram os ruaceiros a quatro quadras do escritório.

Iago disse que havia bebido e que estava desiludido com o sistema político brasileiro e também com o seu partido que acredita tê-lo abandonado.

Por seu turno, Welligton tentou fugir, sendo contido pelos policiais. A princípio negou ter participado do crime, mas depois interpelado por Iago confirmou que realmente havia acompanhado o parceiro no crime.

Iago já tem passagem na polícia por vandalismo, já Wellington tem passagem por tráfico de drogas e vandalismo.

Os meliantes possuem cabelos moicanos e tatuagens sobre anarquia. Os dois estão presos na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) Piratininga. A equipe da Polícia Militar que efetuou a prisão é do pelotão das Moreninhas, composta pelo Sargento Edimárcio e pelos soldados Rui e Saldanha.

Veja também