Menu
sexta, 30 de outubro de 2020
Polícia

Suspeita de furtar celular posta foto no Facebook da vítima

Foto no Facebook

21 dezembro 2013 - 20h00Por da redação

Uma jovem suspeita de ter furtado o celular de uma cabelereira em Goiânia acabou postando, por engano, uma foto no perfil da própria vítima no Facebook. O crime ocorreu na última terça-feira, quando a cabeleireira Tatiana Fernandes, 30 anos, teve o celular levado quando passeava pelo Goiânia Shopping. "(Para) Minhas amigas que não me encontram no celular... infelizmente perdi ele", postou a cabelereira no dia do crime.

Minutos depois ela contou que foi trocar um calçado no shopping e, quando percebeu, viu que estava sem o celular. "Perdi ou fui roubada", falou. Mesmo sem saber o que aconteceu com o próprio celular, Tatiana teve uma surpresa no dia seguinte, quando viu que alguém havia utilizado o aparelho para publicar uma foto no Facebook. Porém, quem utilizou o celular, esqueceu-se de desconectar do perfil da vítima e a fotografia da suspeita apareceu para todos os amigos da cabelereira.

Pela própria rede social, Tatiana pediu para que as pessoas divulgassem a fotografia da mulher, que aparenta ser de uma jovem com menos de 18 anos. "Essa é a foto de quem está com o celular da Tatiana Fernandes, mas não se preocupe, a polícia vai te encontrar. É melhor ‘vc’ entregar", diz a publicação.

Segundo a vítima, a suspeita publicou a fotografia dando um "bom dia". Em poucos instantes, a loira misteriosa apagou o post, mas a cabeleireira já havia salvado uma cópia da imagem.

Leia Também

Presidiários e policiais são flagrados em festinha em presídio no Paraguai
Interior
Presidiários e policiais são flagrados em festinha em presídio no Paraguai
Na Lata: bolsonarista defende Pedro Kemp e paga mico ao denunciar candidato do PSL
Na Lata
Na Lata: bolsonarista defende Pedro Kemp e paga mico ao denunciar candidato do PSL
Candidatos fazem críticas e prometem investir em empregos e educação em horário noturno
Cidade Morena
Candidatos fazem críticas e prometem investir em empregos e educação em horário noturno
Em 24 horas, 508 brasileiros morrem de covid-19, diz Ministério da Saúde
Geral
Em 24 horas, 508 brasileiros morrem de covid-19, diz Ministério da Saúde