Menu
segunda, 14 de junho de 2021
Polícia

VÍDEO: mulher atacada com ácido pelo ex-marido corre em busca de ajuda

Segundo parentes, vítima estaria 'irreconhecível' e em estado gravíssimo; Homem cometeu suicídio

27 abril 2019 - 11h12Por Redação

O momento em que uma mulher pede ajuda para os vizinhos depois que o ex-marido,  tentou matá-la foi registrado por câmeras de segurança. O caso aconteceu na noite de quinta-feira (25), em Sobradinho, no Distrito Federal.

As imagens mostram Cássia Regina da Silva, de 47 anos, que sai pela porta de casa e corre pela rua. O vigilante Júlio César Villa Nova, de 55 anos, jogou ácido e tentou atirar na ex-mulher, mas a arma usada falhou. De acordo com o delegado plantonista da 13ª DP, Wander Machado, o homem jogou o ácido após uma discussão e tirou a própria vida logo depois.

A vítima foi socorrida e levada para o Hospital Regional da Asa Norte (Hran) e segue internada em estado gravíssimo. A mulher sofreu queimaduras de terceiro grau, provocadas pelo ácido, no rosto, no tórax e nas pernas. Segundo o portal G1, Cássia segue, até o momento, entubada, sedada e respirando por aparelhos.

O casal teve relacionamento por 15 anos. Conforme familiares da vítima, ela estaria irreconhecível após os ferimentos do ataque. 

De acordo com a Polícia Civil, que registrou o caso como tentativa de feminicídio, o vigilante planejou a morte de Cássia. Os dois viveram juntos por 15 anos.

Leia Também

Indígena é atacado com facão e dupla em moto tenta atropelar bebê em Dourados
Interior
Indígena é atacado com facão e dupla em moto tenta atropelar bebê em Dourados
Porto Murtinho já vacina maiores de 26 anos; cidade faz lockdown severo
Interior
Porto Murtinho já vacina maiores de 26 anos; cidade faz lockdown severo
Sem leitos, mais três pacientes de MS são transferidos para São Paulo
CORONAVÍRUS
Sem leitos, mais três pacientes de MS são transferidos para São Paulo
Cidades
Abono e ampliação de vagas é debatido em reunião com categorias administrativas e governo
Incorporação do abono, valorização da tabela salarial e outros compromissos ficaram firmados no primeiro encontro