ENTREGAS
Solurbe - corrida do meio ambiente 18/04 a 08/05
(67) 99826-0686
Reviva centro

Após problemas com sistema da polícia, governador garante que não vai ceder à pressão

Reinaldo diz que só renova contrato no Estado com segurança jurídica

15 SET 2016
Dany Nascimento
14h59min
Foto: Geovanni Gomes

Após enfrentar problemas com a empresa responsável pelo sistema utilizado pela Polícia, o Sigo, que registra virtualmente os boletins de ocorrência no Estado e atende outros setores da administração estadual, o governador Reinaldo Azambuja (PSDB) garantiu que não vai ceder a pressão feita pela empresa.

"Existem  pressões  da empresa e o Estado não  vai ceder a essas pressões seja de quem for", disse o governador.

Reinaldo afirma que deve renovar o contrato, mas isso só deve ocorrer após ter em mãos documentos que comprovem a segurança jurídica diante do contrato, que foi firmado em gestões anteriores.

"Esse contrato  é  uma herança do governo anterior e só  vamos renovar quando tivermos uma um segurança  jurídica. Mas já  há  um parecer jurídico  da Procuradoria do Estado que pede para fazer, mas dentro dos parâmetros  legais", explica Reinaldo.

O governador questiona ainda, como  o Estado ficou refém de um sistema fornecido por uma empresa. "Eles dominam e o Estado  fica refém".

O Sistema está fora do ar desde a última segunda-feira (12) e, diante disso, os registros estão sendo realizados manualmente pela polícia. Há dois meses, o Estado registrou problemas com o sistema, levando em consideração que o contrato entre a empresa e o governo do Estado está vencido desde o mês de fevereiro. 

Veja também