TJMS JANEIRO
Menu
quinta, 20 de janeiro de 2022 Campo Grande/MS
Política

Bernal registra queixa à polícia sobre documentos levados da prefeitura

28 agosto 2015 - 10h47Por Rodson Willyams

O prefeito Alcides Bernal, do PP, revelou a imprensa que mandou registrar um Boletim de Ocorrência após saber que pessoas ligadas ao ex-prefeito afastado Gilmar Olarte, do mesmo partido (por liminar),  retiraram documentos, objetos e até bens do Paço Municipal e de algumas secretárias. A Casa do Cidadão e até o almoxarifado da Secretaria Municipal de Saúde estariam fechadas a mando do ex-prefeito.

Segundo Bernal, ele foi informado do caso ontem (27), e novas denúncias teriam chegado ainda hoje (28) ao seu conhecimento. "Pedi ao Pedra (vereador e agora secretário Municipal de Governo) ir à Casa do Cidadão para verificar essa denúncia. Mas eu já mandei fazer um Boletim de Ocorrência".

A denúncia foi comentada durante a primeira agenda do prefeito no encontro que teve com o governador Reinaldo Azambuja, do PSDB. Mas tarde, na sede do Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul, onde encontrou o presidente, desembargador João Maria Lós, revelou que mais detalhes do caso.

Bernal ainda informou que alguns documentos foram retiradas do Paço Municipal, das Secretárias de Educação e Saúde, antes da cerimônia que o reconduziu ao cargo de prefeito ocorrida ontem (27), por volta das 12h30, na sede do Executivo Municipal. O prefeito não detalhou em qual delegacia registrou o Boletim de Ocorrência e nem quem foi o comunicante.