TJ BANNER JUNHO 2022
TOP MIDIA INSTITUCIONAL
Menu
sábado, 25 de junho de 2022 Campo Grande/MS
GOV ENERGIA ZERO JUNHO 2022
GOV CRESCIMENTO JUNHO 2022
GOV CRESCIMENTO JUNHO 2022
Política

Bolsonaro admite que não sabe enfrentar crise econômica: 'deixo nas mãos de Deus'

ELe também culpou o ''fique em casa'' e pediu fé aos apoiadores

28 maio 2022 - 16h34Por Thiago de Souza

O presidente Jair Bolsonaro admitiu, nesta sexta-feira (27), que não sabe como lidar com a crise econômica, que gera inflação alta. O discurso ocorreu em evento com pastores da Assembleia de Deus, em Goiânia. 

Bolsonaro, segundo o Congresso em Foco, também citou o aumento do preço dos combustíveis e desemprego no País. Ele se exibiu de responsabilidades e insinuou que não consegue conter a crise, sendo que a saída é ter ‘’fé, resiliência e coragem’’. 

''Aqui não tem desabastecimento, temos dificuldades. Por muitas vezes, ou quase sempre, é dobrar os joelhos e buscar uma alternativa. Sabemos que temos que fazer a nossa parte, mas deixar as coisas impossíveis nas mãos de Deus'', disse o presidente da República. 

Fique em casa

Em outro trecho da fala, Bolsonaro culpou as medidas restritivas na pandemia da covid-19, pelo problema econômico. 

''Temos estudos de que lockdown não salvou uma vida sequer. Sofremos a consequência dos preços de alimentos, combustíveis e foi um duro baque na educação dos nossos filhos. Eu fiz a minha parte, apesar de tolhido pelo Supremo Tribunal Federal'', afirmou Bolsonaro.