Menu
segunda, 26 de outubro de 2020
Política

Câmara recorrerá, mas depoimento de Bernal será cancelado

Cassação

23 novembro 2013 - 12h40Por Juliene Katayama

A Câmara Municipal de Campo Grande vai recorrer da decisão que suspendeu pela segunda vez a Comissão Processante apenas na segunda-feira (25), dia em que estava agendado o depoimento do prefeito Alcides Bernal (PP). Como não haverá tempo hábil para decidir o recurso, a oitiva terá de ser adiada.

"Não vai dar tempo de reverter", afirmou a Procuradoria Jurídica da Câmara. O desembargador João Maria Lós aceitou a liminar do prefeito para suspender pela segunda vez os trabalhos dos vereadores. A primeira decisão contra a comissão foi do desembargador Hildebrando Coelho Neto, da 1ª Câmara Cível, na tarde de quarta-feira (20). Na madrugada de quinta-feita (21), o desembargador Luiz Tadeu Barbosa Silva autorizou em caráter de  liminar a continuidade dos trabalhos dos vereadores. 

Segundo a Procuradoria Jurídica da Câmara, as três deciões sobre a Comissão Processante não entraram no mérito, mas ficaram restritas às questões processuais. 

Processo - Bernal seria o último a prestar depoimento à Processante que investiga irregularidades nos contratos de emergenciais da prefeitura com empresas prestadoras de serviço. Os vereadores já ouviram os proprietários das empresas Salute Distribuidora de Alimentos - que fornecia alimentos para os Centros de Educação Infantil (Ceinfs) -, Mega Serv - responsável pela limpeza em postos de saúde - e Já Gás - que distribuiu botijões de gás após ter sido eliminada no processo licitatório. 

Também já prestaram depoimento à comissão os secretários de Saúde, Ivandro da Fonseca; Assistência Social, Thaís Helena; Educação, José Chadid; Administração, Ricardo Balloock; Finanças e Orçamento, Wanderlei Ben Hur; Agência Municipal de Trânsito, Kátia Castilho.

Todos foram convocados como testemunhas de defesa do prefeito. Dos dez selecionados não compareceu a coordenadora-Geral de Licitação, Gislaine do Carmo Penzo Barbosa.

Leia Também

Brasil acumula 5,3 milhões de casos e 157 mil mortes por covid-19
CORONAVÍRUS
Brasil acumula 5,3 milhões de casos e 157 mil mortes por covid-19
Conhecido por ações sociais e defesa da cultura, Crys Sanfona tenta carreira na política
Cidade Morena
Conhecido por ações sociais e defesa da cultura, Crys Sanfona tenta carreira na política
Anjo que salva, Ravi terá órgãos doados em Campo Grande
In Memoriam
Anjo que salva, Ravi terá órgãos doados em Campo Grande
Após ser atropelado e ficar ferido na margem de rodovia, filhote de cervo é resgatado pela PMA
Polícia
Após ser atropelado e ficar ferido na margem de rodovia, filhote de cervo é resgatado pela PMA