TCE Novembro
Menu
domingo, 05 de dezembro de 2021 Campo Grande/MS
ALMS - NOVEMBRO
Política

Cassado, Pedra sai de secretaria para coordenar campanha de Bernal

01 abril 2016 - 19h01Por Airton Raes
Cassado, Pedra sai de secretaria para coordenar campanha de Bernal

O secretario municipal de governo de Campo Grande, Paulo Pedra (PDT) afirmou nesta sexta-feira, 1º de abril, que irá se descompatibilizar do cargo e coordenar a campanha a reeleição do prefeito de Campo Grande Alcides Bernal (PP). Porém não afirmou se irá concorrer a vereador. Pedra participou do lançamento do programa Juventude Ativa. 

Pedra teve seu mandato cassado pelo Tribunal Superior Eleitoral, acusado de comprar votos e abuso de poder econômico nas eleições de 2012.A ação se encontra como transitada e julgada no TSE. A defesa de Paulo Pedra entrou com recurso de embargos infringentes contra a decisão. Desde 2 de março, o processo se encontra de posse do Ministro Admar Gonzaga, esperando que tenha a data em que será colocado em pauta. De acordo com a lei da ficha limpa, ele se encontra inelegível.

Paulo Pedra irá coordenar a campanha do prefeito Alcides Bernal. Em fevereiro, deixou o PDT para poder apoiar Bernal. Entretanto, retornou ao partido dos trabalhadores no final da janela partidária. Os dirigentes do PDT tem defendido a candidatura própria, contando com três pré-candidatos, o deputado federal Dagoberto Nogueira, a ex-vereadora Thereza Name e o doutor Mafuci Kadri.

Perguntado sobre a possiblidade do PDT indicar o candidato a vice-prefeito de Bernal, Pedra respondeu: "não podemos afirmar nada no momento". 

De acordo com a Justiça Eleitoral, 2 de abril, o prazo para descompatibilização de cargos públicos para políticos interessados em disputar um cargo nas eleições municipais deste ano.