Menu
Busca domingo, 07 de junho de 2020
Camara - corona
Política

Celso de Mello autoriza depoimento de Marinho em inquérito sobre Bolsonaro

Paulo Marinho deverá ser ouvido na próxima terça, às 9 horas

23 maio 2020 - 13h26Por Nathalia Pelzl

O ministro Celso de Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF), atendeu a um pedido da Procuradoria Geral da República (PGR) e autorizou o depoimento do empresário Paulo Marinho no inquérito que apura se o presidente Jair Bolsonaro tentou interferir na Polícia Federal.

As informações são do portal G1. Paulo Marinho deverá ser ouvido na próxima terça (26), às 9 horas, na superintendência da PF no Rio de Janeiro.

Um dos principais aliados de Bolsonaro na campanha eleitoral de 2018, Paulo Marinho disse ao jornal "Folha de S.Paulo" que o senador Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ), filho de Bolsonaro, foi avisado por um delegado da PF sobre a deflagração da Operação Furna da Onça.

A operação levou à prisão de diversos parlamentares do estado do Rio, em novembro de 2018. A defesa de Flávio Bolsonaro nega a acusação.

O inquérito no qual será incluído o depoimento do empresário foi aberto por Celso de Mello em 27 de abril, a pedido da PGR.

Leia Também

Brasil tem 904 mortes pela COVID-19 em 24h, aponta Ministério
Saúde
Brasil tem 904 mortes pela COVID-19 em 24h, aponta Ministério
Contar “arruma cama” no MDB? Bolsonarista garante que não!
Política
Contar “arruma cama” no MDB? Bolsonarista garante que não!
Frio continua e mínima pode chegar a 7°C neste domingo
Cidade Morena
Frio continua e mínima pode chegar a 7°C neste domingo
Bêbado, motociclista cai em buraco em Aquidauana
Interior
Bêbado, motociclista cai em buraco em Aquidauana