Menu
terça, 18 de maio de 2021
MS CRESCE PELA VIDA 14 a 18/05/2021
Política

Dagoberto nega união do PDT a aliados de Bernal

Fora da base

25 outubro 2013 - 11h59Por Juliene Katayama

Dagoberto Nogueira, ex-presidente regional do PDT, negou a possibilidade do partido aderir à base aliada do prefeito de Campo Grande, Alcides Bernal (PP). "No momento não. Enfrentamos ele nas úlitmas eleições", afirmou, na manhã de hoje (25), durante a entrega de certificados do Programa Projovem.

Para Dagoberto seria conflitante para a população entender uma aliança com a administração municipal da Capital depois do embate político no ano passado. Dagoberto foi candidato a vice-prefeito na chapa de Edson Giroto (PR) - na época filiado ao PMDB - e disputaram o segundo turno com o Chefe do Executivo.

"Pemaneceremos na oposição", garantiu. Mesmo com o posicionamento do dirigente do PDT, o vereador Paulo Pedra (PDT) cogitou entrar no G-8, grupo da oposição que tentou se aproximar de Bernal, mas se desmanchou antes mesmo de atuar.

Para Dagoberto, o momento também não é favorável para apoiar Bernal. "Não é prudente", disse. Bernal está sendo investigado por uma Comissão Processante em decorrência da evidências constatadas pela CPI da Inadimplência sobre os contratos emergenciais, atraso de pagamentos, além de outras evidências.