TOP MIDIA INSTITUCIONAL
Menu
sexta, 01 de julho de 2022 Campo Grande/MS
Política

Deputado de MS pede impeachment imediato de Bolsonaro

“Com base na entrevista de Sergio Moro é impeachment de Bolsonaro já"

25 abril 2020 - 18h10Por Vinícius Squinelo

A reação política contra Jair Bolsonaro segue forte em todo País, e já chegou a Mato Grosso do Sul. Por aqui, tem até deputado pedindo o impeachment imediato do presidente da República.

“Com base na entrevista de Sergio Moro é impeachment de Bolsonaro já", essa é a conclusão de nota distribuída pelo deputado federal petista Vander Loubet.

Segundo o parlamentar, a saída do presidente deve ocorrer após as acusações de Sérgio Moro, inclusive de que Bolsonaro estaria tentando interferir na Polícia Federal.
Importante lembrar que Vander é um dos deputados sul-mato-grossenses envolvidos na operação Lava Jato.

Veja a nota do parlamentar na íntegra:

"Bolsonaro demitiu o Diretor Geral da PF (Valeixo) como se fosse a pedido, quando este pedido nunca fora feito. Moro ainda arrematou, que nunca assinou o referido Decreto de exoneração. A entrevista de Sérgio Moro revelou que o presidente Bolsonaro está tentando ter acesso à investigações da PF através de nomeações de dirigentes na corporação o que infringe o artigo 9º, 4 da Lei 1079/1950. A Falsidade Ideológica ( fato diverso da verdade) da publicação do ato de demissão do Diretor Geral da PF ( Valeixo) constando que foi a pedido e com a assinatura de Sergio Moro, revela um comportamento de Bolsonaro incompatível com a dignidade, honra e decôro do cargo, o que infringe o artigo 9º- 7 da Lei 1079/1950. Ambas as infrações indicam que o Brasil não merece mais ser governado por Bolsonaro. Com base na entrevista de Sergio Moro é impeachment de Bolsonaro já".