TJMS JANEIRO
Menu
domingo, 23 de janeiro de 2022 Campo Grande/MS
Política

Dilma diz ser urgente ação internacional conjunta contra o terrorismo

16 novembro 2015 - 12h22Por Palácio do Planalto

A presidenta Dilma Rousseff abriu seu discurso na reunião de líderes dos Brics, na manhã deste domingo (15), reiterando seu repúdio pelos ataques terrorista ocorridos em Paris na última sexta-feira.

“Essa atrocidade torna ainda mais urgente uma ação conjunta de toda comunidade internacional no combate sem tréguas ao terrorismo”, disse a presidenta em Antália, na Turquia.

Para Dilma, o grupo dos Brics (que reúne Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul) teve resultados muito expressivos como a concretização do Novo Banco de Desenvolvimento e do Arranjo Contigente de Reservas, que, segundo ela, devem impulsionar a ampliação da agenda de cooperação e a consolidação da parceria econômica do bloco.

“Nossos países estão comprometidos a trabalhar pela redução dos riscos que a economia global continua a enfrentar”, destacou a presidenta.

Dilma enfatizou que a coordenação brasileira no G20 continuará a priorizar os investimentos em infraestrutura, a redução da volatilidade dos mercados globais, a necessidade de reforma das instituições financeiras e o combate à pobreza e às desigualdades como temas importantes para os países em desenvolvimento.

Dilma ressaltou ainda que o grupo dos Brics “continuará a ser uma força positiva para a retomada do crescimento global nos próximos anos”.

Para isso, ela reforçou o empenho de tornar realidade os compromissos da reforma do Fundo Monetário Internacional (FMI), assumidos em 2010, em prol de uma governança econômico-financeira global mais equilibrada e representativa, com maior participação dos países emergentes e em desenvolvimento.