Menu
Busca terça, 07 de julho de 2020
ALMS
Política

Em dia de invasão a hospital, deputados debatem segurança pública na sessão

Parlamentares sugeriram a implantação de novas estratégias para combater a criminalidade

22 setembro 2016 - 16h31Por ALMS

Os deputados estaduais debateram na sessão ordinária desta quinta-feira (22/9), os últimos casos de violência ocorridos em Campo Grande e sugeriram a implantação de novas estratégias para combater as ações dos criminosos. Na tribuna, Lidio Lopes (PEN) lamentou o assassinato do empresário e ex-vereador Alceu Bueno.

“A segurança pública tem preocupado a população de Campo Grande. Assassinatos e sequestros ocorrendo à luz do dia, em pleno Parque dos Poderes. O aumento da criminalidade tem assustado e, diante do atual cenário, são necessárias medidas urgentes de prevenção”, disse Lidio.

Em aparte, os deputados Cabo Almi e Pedro Kemp, ambos do PT, também se manifestaram a favor de uma política pública preventiva de combate a criminalidade. Almi também defende que os órgãos de segurança fortaleçam os setores de investigação para elucidação dos crimes. Kemp citou três ocorrências que aconteceram recentemente e fez um apelo para que o governo do Estado priorize a segurança pública.

“Resgate de presos em hospital, o assassinato do ex-vereador e casos de seqüestros são os destaques de hoje na mídia. Falta uma estratégia das forças policiais. O aumento da violência tem causado insegurança na população”, ressaltou Kemp.

Leia Também

FEBRE DE 38,5: Bolsonaro confirma que está com a covid-19
Geral
FEBRE DE 38,5: Bolsonaro confirma que está com a covid-19
Trump usa imagem do Cristo Redentor em campanha contra derrubada de estátuas
Geral
Trump usa imagem do Cristo Redentor em campanha contra derrubada de estátuas
VÍDEO: câmeras captaram gritos de Carla ao ser sequestrada no Tiradentes
Cidade Morena
VÍDEO: câmeras captaram gritos de Carla ao ser sequestrada no Tiradentes
Adolescente é achada após cinco horas de sumiço no São Conrado
Cidade Morena
Adolescente é achada após cinco horas de sumiço no São Conrado