(67) 99826-0686
Gov - Agosto Lilas 09 a 24/08

Em entrevista, Mourão diz que 'sempre houve homossexualidade no Exército'

Mourão também negou que houve ditadura e classificou a época como um “período de presidentes militares”

17 JUL 2019
Da redação/Meia Hora
15h51min
Foto: Divulgação/TV Globo

O vice-presidente Hamilton Mourão disse em entrevista ao programa "Conversa com Bial", da TV Globo, nessa terça-feira, que há homossexuais nas Forças Armadas. “Transgênero só existe um caso ou dois, se houve. Homossexualidade sempre houve, agora, dentro da disciplina e da hierarquia.”

Mourão também negou que houve ditadura e classificou a época como um “período de presidentes militares”. Mourão ainda elogiou o Coronel Brilhante Ustra, considerado pela Justiça como único torturador  no regime militar. “Foi um exemplo de soldado pra mim”, afirmou.

Questionado sobre a fala polêmica em 2017 em que falou sobre intervenção militar em um evento da maçonaria, o vice-presidente afirmou que só sofreria alguma punição “se pregasse abertamente”.

Mourão ainda disse que ficou surpreso com a decisão do presidente Jair Bolsonaro de indicar seu filho, Eduardo Bolsonaro, para a embaixada norte-americana. “Decisão (de presidente) não se discute”, afirmou.

Veja também