(67) 99826-0686
REFIS FEV.

Jogo zerado: PSDB anuncia ‘namoro’ com ex-candidatos e lembra aliança com Bernal

Tucanos apresentaram as estratégias para o embate no segundo turno

3 OUT 2016
Vinicius Squinelo e Amanda Amaral
15h30min
Foto: André de Abreu

Um dia após o término do primeiro turno, o PSDB já se prepara para o embate eleitoral definitivo das eleições deste ano em Mato Grosso do Sul. Depois de aumentar o número de prefeitos de 12 para 36, o objetivo tucano agora é conseguir a tão almejada 37ª cadeira: a de Prefeitura de Campo Grande.

Demonstrando união interna na sigla, o PSDB reuniu hoje lideranças regionais e a candidata, Rose Modesto, para apresentar as estratégias para o segundo turno. E o foco será simples: alianças com ex-candidatos e focar no eleitor indeciso.

“O namoro é com todos os agora ex-candidatos”, afirmou Rose, que ainda lembrou aliança passada com Alcides Bernal, do PP, que foi eleito com apoio tucano.
Outro a comentar o segundo turno foi o governador Reinaldo Azambuja. “O jogo zerou de novo, vamos focar nos indecisos, mas é uma campanha, não é declarar calamidade ou guerra”, afirmou. O líder tucano ainda garantiu que espera um ‘comportamento diferente das urnas’ neste segundo turno.

Encontro reuniu lideranças / foto: André de Abreu

 Os encontros com outros partidos devem ocorrer já à partir desta segunda-feira, mas os líderes tucanos esconderam o jogo e preferiram não revelar com quem serão as tais conversas.

 Rose ainda aproveitou para criticar, novamente, a atuação das pesquisas eleitorais em Mato Grosso do Sul. “Pesquisas confirmaram o que eu já acreditava, em números distorcidos”, comentou.

No encontro, realizado no diretório estadual da sigla em Campo Grande, estavam presentes – além de Azambuja e Rose – o secretário de Estado da Casa Civil Sérgio de Paula, o secretário de Estado de Fazenda Márcio Monteiro, o deputado federal Geraldo Resende, e os deputados estaduais Rinaldo Modesto, Beto Pereira, Flávio Kayatt e Mara Caseiro.

Veja também