Menu
sexta, 26 de novembro de 2021 Campo Grande/MS
pmcg revia negocios
Política

'Maquiagem em moça sem limpeza de pele', diz vereador sobre Campo Grande

06 abril 2016 - 10h01Por Anna Gomes e Dany Nascimento

O presidente da Câmara Municipal João Rocha (PSDB) fez duras críticas ao prefeito de Campo Grande, Alcides Bernal (PP), durante o projeto Câmara Comunitária, onde os vereadores fiscalizam escolas, Ceinfs (Centro de Educação Infantil) e unidades de saúde de bairros da Capital.  

O terceiro encontro dos parlamentares que estava marcado às 8 da manhã desta quarta-feira (6) na escola municipal Leire Pimentel de Carvalho Corrêa, no Bairro Colibri II, só contava com apenas três de todos os vereadores.

Os parlamentares acreditam que limpezas aconteceram nesta manhã devido a presença deles no local. Os vereadores relataram que ruas foram pintadas, matagais foram podados e criticaram a conduta de Bernal.

"Passar maquiagem em moça sem limpeza de pele'', foi o que João Rocha disse que o prefeito anda fazendo com Campo Grande e ainda confirmou que a limpeza do bairro só estava acontecendo por causa da Câmara Comunitária.

"A prefeitura está limpando a escola só por causa dos vereadores. Quando desci do carro, coloquei até um sorriso no rosto, pois se for assim, vai ter Câmara Comunitária todos os dias", disse.

Para finalizar João Rocha ainda disparou " Existe o efeito do 'El Niño', aqui o efeito é 'El Câmara'. Esta limpeza só está acontecendo porque estamos aqui, mas o prefeito esqueceu um detalhe: Tapar buracos".

Ayrton Araújo do PT, também acredita que os funcionários da prefeitura só estavam limpando o local devido a presença dos vereadores. "Todos os dias passo na Avenida Guaicurus e a equipe sempre está lá, hoje, os funcionários entraram no bairro para limpar", destacou.

Até às 9h da manhã, apenas os vereadores Ayrton Araújo, João Rocha e o Chocolate (PTB), estavam na escola, ou seja, apenas três dos 29 parlamentares. Depois chegaram o Chiquinho Telles (PSD), Vanderlei Cabeludo (PMDB) e Airton Saiva (DEM), mas as críticas contra Bernal continuaram.

Segundo o Chiquinho Telles, a limpeza do local poderia acontecer antes e não apenas por causa da visita dos vereadores.

"Não queremos encontrar a cidade arrebentada, não precisava a gente vir pra fazer a limpeza, essa atitude é uma resposta da Câmara Comunitária. Fico muito feliz por termos uma resposta que a Câmara procurava é isso que queremos, mas claro que seria melhor se fosse feito sem a nossa presença aqui", explicou.