ALMS CONTAR 25/06 A 27/06
(67) 99826-0686
PMCG - SLOGAN 17/06 A 30/06

Marquinhos Trad sai em vantagem com 51% das urnas apuradas na Capital

Rose aparece em segundo lugar com 41,21% dos votos

30 OUT 2016
Diana Christie
17h33min
Foto: André de Abreu/Geovanni Gomes

Com 51,35% das urnas apuradas pelo TRE-MS (Tribunal Regional Eleitoral), o candidato Marquinhos Trad (PSD) abriu vantagem sobre a sua adversária, Rose Modesto (PSD), pela prefeitura de Campo Grande e possui 58,79% dos votos já apurados. O resultado é parcial e pode mudar, conforme mais urnas são abertas.

Rose aparece com 41,21% da preferência, nulos somam 7,93% dos votos e brancos 3,06%. Os boletins de apuração são atualizados de dez em dez minutos pelo TRE-MS. No primeiro turno, o deputado estadual faturou 34,57% dos votos válidos, seguido pela tucana, que conquistou 26,62% dos eleitores. Em terceiro lugar, o atual prefeito, Alcides Bernal (PP), levou 26,01% dos votos.

O candidato do PSD, Marquinhos Trad assiste a apuração da casa da mãe, Therezinha Mandetta Trad, em seguida, passa no TRE-MS, onde os resultados são projetados em um telão, e deve seguir para o comitê, localizado na Avenida Afonso Pena, logo após o shopping Campo Grande.

Já a vice-governadora Rose Modesto acompanha o início da checagem de votos em casa e depois comparece ao comitê central da campanha, na Avenida Barão do Rio Branco, esquina com a Rua José Antônio.

Os vereadores da próxima legislatura já foram definidos no primeiro turno. Candidato pelo PSDB, o policial federal André Salineiro foi o candidato mais votado para a Câmara Municipal de Campo Grande com 8.776 votos válidos. Com a distribuição de votos por legenda, o resultado de corte ficou em 1.929 votos com a enfermeira Cida Amaral (PTN).

Os tucanos fizeram a maior bancada, com sete vereadores eleitos. Completam a lista: Odilon de Oliveira (PDT), Loester Nunes (PMDB), Gilmar da Cruz (PRB), Lívio Viana (PSDB), Lucas do Amor Sem Fim (SD), Papy (SD), João Rocha (PSDB), Júnior Longo (PSDB), Ademir Santana (PDT), João César Mattogrosso (PSDB), Betinho (PRB) e Delegado Wellington (PSDB).

Também foram eleitos, em ordem de votação, Vinícius Siqueira (DEM), Dr. Antônio Cruz (PSDB), Valdir Gomes (PP), Carlão (PSB), Veterinário Francisco (PSB), Pastor Jeremias Flores (PTdoB), Airton Araújo (PT), Chiquinho Telles (PSD), Cazuza (PP), William Maksoud (PMN), Paulo Siufi (PMDB), Dharleng Campos (PP), Enfermeiro Fritz (PSD), Otávio Trad (PTB) e Eduardo Romero (Rede).

Veja também