TJMS Abril
Menu
Busca domingo, 05 de abril de 2020
ALMS 23/03 A 21/04
Política

Paulo Guedes pede desculpas às empregadas domésticas após polêmica da Disney

Após pedir desculpas, o ministro questionou qual o problema de fazer a referência às domésticas

20 fevereiro 2020 - 15h16Por Nathalia Pelzl

O  ministro da Economia, Paulo Guedes, pediu desculpas às empregadas domésticas nesta quinta-feira (20) durante discurso no Palácio do Planalto.

No dia 13 de fevereiro, ao comentar as sucessivas altas da cotação do dólar, Guedes declarou  que, na época em que o dólar era mais baixo, havia "empregada doméstica indo pra Disneylândia, uma festa danada".

No entanto, durante o lançamento do de uma nova linha de crédito imobiliário da Caixa Econômica Federal, com taxa de juros fixa, o ministro se retratou e disse que a nova modalidade vai beneficiar as famílias mais humildes.

"E justamente também as famílias mais humildes, empregadas domésticas, inclusive, a quem eu peço desculpas, se puder ter ofendido, dizendo que a mãe do meu pai foi uma empregada doméstica", disse o ministro.

Guedes ainda afirmou que a declaração dele sobre as domésticas viajarem à Disney era reflexo de uma política de preços que estava "empurrando a população em direção equivocadas".

De acordo com Guedes, a fala dele sobre domésticas viajarem à Disney foi tirada de contexto. No entanto, após pedir desculpas, o ministro questionou qual o problema de fazer a referência às domésticas, conforme o G1.

"Qual o problema de você fazer uma referência como essa? Mostrando que os preços estão empurrando a população em direção equivocadas. Um Brasil cheio de belezas naturais e as pessoas pensando em não viajar para o Nordeste, para as praias do Nordeste porque estava 50% mais caro ir para o Nordeste brasileiro do que ir para o exterior", disse.

Leia Também

Conselhos de MS recomendam que profissionais da saúde façam cadastro no Ministério
Saúde
Conselhos de MS recomendam que profissionais da saúde façam cadastro no Ministério
Ministério da Saúde: Brasil não chegará a 100 mil mortos pela Covid-19
Geral
Ministério da Saúde: Brasil não chegará a 100 mil mortos pela Covid-19
'Número 2' do Ministério da Saúde quebra isolamento e dá desculpa marota para 'corridinha'
Geral
'Número 2' do Ministério da Saúde quebra isolamento e dá desculpa marota para 'corridinha'
Marquinhos pede selfies e vídeos de corrente de oração marcada para este domingo
Cidade Morena
Marquinhos pede selfies e vídeos de corrente de oração marcada para este domingo