TJMS JANEIRO
Menu
sexta, 21 de janeiro de 2022 Campo Grande/MS
Política

Reinaldo pede 'paz' na Capital e promete incentivo de R$ 270 milhões

05 outubro 2015 - 10h25Por Mariana Anunciação e Anna Gomes

O Governador do Estado, Reinaldo Azambuja, reclamou do atual cenário, lembrando o reflexo disso na rotina dos campo-grandenses. Em evento na Câmara da Capital, pediu paz para fomentar o desenvolvimento de Mato Grosso do Sul e deu garantia de investimentos. O anúncio ocorreu durante sua participação no Congresso Nacional dos Engenheiros, nesta manhã (5).

Para Azambuja, a Capital está vivenciando um momento conturbado, que complica a colaboração do Governo Estadual. “Entra uma administração e sai a outra. O Ministério Público pede afastamento do que entra. Acontece um impasse, porque o Governo pactua com a administração e o que foi pactuado volta à estaca zero, com a nova mudança”, explicou.

Para o governador essa mudança de gestão da Prefeitura Municipal, como o afastamento do vice-prefeito Gilmar Olarte e a volta de Alcides Bernal, impactou negativamente. Com as alterações das equipes tudo acaba sendo atrasado, por exemplo, os pactos voltados para a saúde deverão ser revistos de novo”, salientou.

Em relação ao fato da sua popularidade estar em baixa, ele atribui à crise política. “Essa administração que ocorre na Capital acaba afetando a política como um todo. Existe um desgaste da população com tudo o que está ocorrendo”.

Azambuja aproveitou a oportunidade para destacar sobre os investimentos no Estado. “Vamos lançar um programa no ano que vem, no montante de R$ 270 milhões para ser investido na infraestruta dos 79 municipios de Mato Grosso do Sul, incluindo a Capital”. A promessa é que a verba seja destinada às melhorias no recapeamento, sinalização e segurança no tráfego.