Menu
quarta, 28 de outubro de 2020
Política

Relator da PEC da 2ª instância, Fábio Trad lamenta: 'não há articulação para aprovar o texto'

Deputado destacou que fez alterações importantes no texto

24 setembro 2020 - 21h09Por Thiago de Souza

O deputado federal Fábio Trad (PSD-MS), relator da PEC da prisão após condenação em 2ª instância, lamentou o fato da proposta ter poucas chances de ser aprovada no Congresso, pelo menos neste momento. Ele culpa a falta de articulação dos interessados na PEC 199-19. 

O tema foi debatido nesta quinta-feira (24), pela Frente Parlamentar Mista Ética Contra a Corrupção. 

Conforme a Agência Câmara, o relatório de Fábio Trad foi apresentado no início de setembro, com alterações na proposta original. O parlamentar destacou que, além das mudanças da esfera penal, o texto também é benéfico para outras áreas do direito. 

“Está havendo muita concentração de atenção na área penal dessa PEC. É importante, é fundamental. Mas a PEC vai alterar, de forma muito benéfica, para os idosos que ingressam com ações previdenciárias — para reajustar em 200, 300 reais uma aposentadoria, uma pensão — e às vezes leva muitos anos até a efetivação da prestação jurisdicional, porque o INSS vai recorrendo. Vai beneficiar, por exemplo, trabalhadores no juízo trabalhista”, explica.

O deputado sul-mato-grossense destacou que, caso a PEC seja aprovada, seus efeitos só valeriam para as próximas ações a serem ajuizadas. Caso retroagissem [os efeitos] teria menos chances de ser aprovada.  

“Eu enxergo um clima hoje desfavorável à aprovação da PEC. Tem interesses políticos contrariados, econômicos e corporativos também. E não vejo o governo Bolsonaro explicitamente favorável à PEC, vejo posições isoladas. Quando se quer, aprova-se uma PEC em um dia, e vota-se em dois turnos, ainda’’, criticou Trad. 

A coordenadora da Frente Contra a Corrupção, deputada Adriana Ventura (Novo-SP), afirmou que a frente deverá entregar um manifesto ao presidente da Câmara, deputado Rodrigo Maia (DEM-RJ), pedindo a reabertura do colegiado.

A etapa de audiências públicas da comissão foi encerrada em março, mas, por causa da pandemia de Covid-19, os trabalhos foram suspensos antes que o relatório fosse apresentado.

Leia Também

Sinpol apoia combate à covid e vai fazer testes em policiais no feriadão em Bonito
Cidades
Sinpol apoia combate à covid e vai fazer testes em policiais no feriadão em Bonito
Juiz nega recurso e mantém candidatura do PCO barrada em Campo Grande
Cidade Morena
Juiz nega recurso e mantém candidatura do PCO barrada em Campo Grande
Apesar da promessa, governo diz que não tem previsão de pagar 13º do Bolsa Família
Geral
Apesar da promessa, governo diz que não tem previsão de pagar 13º do Bolsa Família
Em horário noturno, candidatos citam distritos e corredor de ônibus em Campo Grande
Cidade Morena
Em horário noturno, candidatos citam distritos e corredor de ônibus em Campo Grande