ALMS CONTAR 25/06 A 27/06
(67) 99826-0686

Rose visita Bom Retiro e diz que vai entregar casas prometidas por Bernal

As 138 famílias vivem em barracos, sem infraestrutura; obras estão paralisadas

24 OUT 2016
Assessoria
18h04min
Foto: Assessoria

Sem casas, unidade de saúde, creche e escola, os moradores do loteamento Bom Retiro, na região da Vila Nasser, reclamam de abandono e isolamento. “Fomos jogados aqui como lixo, de maneira desumana, apenas com lonas e pregos”, desabafou a dona de casa Cristina Maria Alvarenga, 30 anos, mãe de três filhos. Para mudar essa realidade, a candidata Rose Modesto, da coligação Juntos por Campo Grande (PSDB-PR-PDT-PSB-PRB-PSL-SD), assumiu o compromisso, nesta segunda-feira (24), de entregar as casas que haviam sido prometidas pelo atual prefeito, Alcides Bernal.

Desde dezembro, quando foram retirados da favela Cidade de Deus, as 138 famílias vivem situação de desespero. Na época, o prefeito Alcides Bernal prometeu que entregaria casas e infraestrutura até meados de 2016, o que ainda não aconteceu.

Rose foi convidada a visitar o loteamento e conversou com os moradores. Muitos pediram para firmar um compromisso com a vice-governadora. “Eu estou cansada de promessa política, mas eu vou lutar por você, Rose. E nós vamos cobrar que você faça algo por nós”, afirmou a moradora Miriam Salviana, 43 anos, que perdeu uma neta de 4 anos no loteamento. “Depois que fomos mandados para cá, ela adoeceu e faleceu”, desabafou.

A candidata disse que pretende viabilizar uma comissão, com representantes de todos os loteamentos da Capital, para discutir prazos e metas. “Eu já conversei com técnicos e sei que essas casas podem ser terminadas no período de 60 a 90 dias”, afirmou Rose. “O grande problema aqui é que faltou seriedade no projeto apresentado para essas famílias. A ONG que estava responsável para levantar as casas abandonou as construções por falta de pagamento”, lamentou.

Além disso, Rose quer trabalhar na infraestrutura da região, com a construção de um Ceinf. “Nós vamos finalizar as 27 obras inacabadas Centros de Educação Infantil (Ceinfs), e depois disso essa será uma região com prioridade para um novo prédio, pois sabemos que existe demanda”, analisou. “Área de lazer e unidade de saúde também são importantes. O que não pode acontecer é colocar as famílias aqui sem infraestrutura adequada para qualidade de vida”.

Revoltados com o descaso e promessas vazias do atual prefeito, os moradores do Bom Retiro dizem que agora confiam na vice-governadora. “Nós estamos depositando um voto de confiança na Rose. Conhecemos sua história e ela já sabe quais são nossas necessidades”, concluiu Rogério Carvalho, uma das lideranças do Bom Retiro.

HABITAÇÃO
Em seu plano de governo, Rose diz que vai entregar 5 mil casas em seus 4 anos de mandato. Para isso, já conversou com o Ministro da Cidades, Bruno Araújo, que também é do PSDB, para buscar recursos. Também vai utilizar o programa Cheque Moradia, do governo do Estado, e recursos próprios, da Prefeitura.

Veja também