(67) 99826-0686
PMCG - SLOGAN 17/06 A 30/06

Ruiter assume mandato, lança pacto de governança e aponta prioridades

A solenidade legislativa de posse foi marcada por algumas curiosidades

2 JAN 2017
Diário Corumbaense
07h27min
Foto: Diário Corumbaense

Às 19h17 deste domingo, 1º de janeiro, Ruiter Cunha de Oliveira (PSDB) assumiu, pela terceira vez, o cargo de prefeito de Corumbá ao assinar o termo de posse como chefe do Executivo Municipal em sessão comandada pelo vereador Gabriel Alves de Oliveira (PMDB), que aconteceu na praça Generoso Ponce, na avenida General Rondon, com a presença de um grande público. Marcelo Iunes (PTB) assumiu o cargo de vice-prefeito.

De 1932 para cá, quando os administradores de Corumbá passaram a receber a denominação de prefeitos, Ruiter é o primeiro que administrará o município por três vezes. Seus outros dois mandatos foram de 2005 a 2008 e de 2009 a 2012. A chapa liderada por Ruiter e Marcelo teve 23.566 votos na eleição majoritária de 02 de outubro.

A solenidade legislativa de posse foi marcada por algumas curiosidades. A primeira delas foi o fato de ter sido realizada em praça pública, com os vereadores assumindo os cargos e empossando prefeito e vice. Após, os parlamentares seguiram para a Câmara Municipal onde escolheram a Mesa Diretora para o biênio 2017-2018. Em 2009, Ruiter assumiu o segundo mandato em uma cerimônia no Porto Geral, na madrugada do dia 1º de janeiro.

Outra foi justamente a sessão ter sido presidida pelo vereador Gabriel Alves de Oliveira, o mais votado para o Legislativo. O pai dele, Oséas Ohara de Oliveira,  foi vereador e em 2009 empossou Ruiter Cunha, que havia sido reeleito.

Em seu primeiro discurso como chefe do Executivo Municipal, Ruiter disse que assume a Prefeitura com “plano para os quatro anos de mandato para ser assumido e assinado pelo conjunto do governo e pela sociedade corumbaense, por meio de um processo amplo de consultas e discussões orientadas”, que formarão o que chamou de “Pacto de Governança Democrática”, inspirado no estado democrático de direito que tem suas bases estipuladas pela Constituição Federal.

Veja também