TCE Novembro
Menu
domingo, 05 de dezembro de 2021 Campo Grande/MS
pmcg revia negocios
Política

Sem sucesso na Justiça, prefeito e vereadores presos vão ficar sem salários de dezembro

Parlamentares e o prefeito da cidade foram presos no dia 26 de novembro por esquema de corrupção

16 dezembro 2018 - 15h15Por Rodson Willyams

Os sete vereadores do município de Ladário presos no último dia 26 de novembro, por corrupção e fraude em licitações, seguem presos no Presídio de Trânsito na Capital.  O Ministério Público Estadual, que apura as denúncias, recomendou que os salários do grupo fossem suspensos. O ex-prefeito da Ladário Carlos Anibal Ruso Pedroso (PSDB), também preso, estaria na mesma situação.

Segundo o vereador Jonil Junior Gomes Barcellos (PMN), a suspensão dos salários foi uma recomendação do próprio Ministério Público. "Até porque a Câmara também não teria condições de bancar todos esses salários. Por essa razão, decidiu que o salário de dezembro fosse pago aos suplentes, mas todos receberam o salário de novembro. Acreditamos que o salário do prefeito também esteja sendo pago para o vice, que ocupa o cargo no momento".

Jonil ainda informou ao TopMídiaNews que o secretário de Administração/Educação, Helder Naulle Paes dos Santos Botelho, preso durante a operação, foi exonerado do cargo pela atual administração municipal.

O parlamentar ainda informou que o grupo segue preso em Campo Grande. "Ontem mesmo, a Justiça negou o pedido de liberdade do prefeito [Ruso] e da vereadora presa [Pastora Lilia] . Outro pedido que foi negado foi do vereador André Franco Caffaro (Dedé-PPS)".

Prisões

Além do prefeito Russo pelo menos sete vereadores foram presos no município. Paulo Rogério Feliciano Barbosa (PMN); Osvalmir Nunes da Silva (Baguá) (PSDB); Agnaldo dos Santos Junior (Magrela) (PTB), Vagner Gonçalves (PPS) atual 2° secretário da Mesa Diretora; Lilia Maria Villalva de Moraes Silva (Pastora Lilia) (MDB), e atual 2ª vice-presidente da Câmara; André Franco Caffaro (Dedé) (PPS) e Augusto de Campos (Gugu) (MDB).E o secretário de Administração/Educação, Helder Naulle Paes dos Santos Botelho.