(67) 99826-0686

Thais Helena se exalta no depoimento e afirma que nunca faltou alimento nos Ceinfs

Comissão Processante

19 NOV 2013
Carlos Guessy
19h00min
Fotografia: Geovanni Gomes

A titular da SAS (Secretaria Municipal de Políticas e Ações Sociais e Cidadania),Thais Helena foi a última testemunha a prestar depoimento hoje (19), na Comissão Processante da Câmara Muncipal.


Exaltada, a secretária discutiu com o relator Flávio César e disse que só responderia perguntas provenientes da pasta que comanda. "Não tenho conhecimento sobre as licitações feita pelo prefeito Bernal. Isso não cabe a mim responder, só vou falar sobre assuntos referentes a minha pasta", alertou.


Uma das primeiras declarações de Thais Helena foi sobre a denúncia de falta de comida e qualidade dos produtos nos Ceinf's. "Nunca faltou comida para as crianças, elas nunca passaram fome. E ao contrário do que foi veiculado na mídia de que haveria comida estragada nas unidades, eu digo que existiu sim, carne com gordura que foi substituida imediatamente, nada mais".


De acordo com a secretária, 14.500 crianças recebem diariamente alimentação, sendo quatro refeições diariamente nos 96 Ceinfs. "Semanalmente todas as unidades recebem produtos hortifrutigranjeiros e mensalmente os produtos secos", destacou.


Estoque - Sobre a informação divulgada pela Suali (Superintendência de Abastecimento Alimentar) de que o estoque de alimentos teria duração até 28 de junho, Thais Helena informou que foi criada uma comissão para averiguar a informação e houve divergência. "Ao contrário do que foi divulgado, nosso estoque poderia atender até julho, porém, achamos melhor fazer um contrato de emergência com a Salute. Verificamos também que com a mudança de contrato (da MDR para Salute), a prefeitura economizou quase um milhão de reais", pontuou.


A informação divulgada pela titular da SAS é de que havia um superfaturamento de 25% com o contrato firmado com a MDR.

Veja também