(67) 99826-0686
PMCG - SLOGAN 17/06 A 30/06

TRE-MS deve diplomar Marquinhos e vereadores em dezembro e posse ocorre em 1º de janeiro

O evento está previsto para acontecer no dia 16, no Centro de Convenções Rubens Gil de Camilo

14 NOV 2016
Rodson Willyams
15h20min
Foto: TopMídiaNews

O Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso do Sul deve diplomar os 29 vereadores eleitos para a próxima legislatura e o prefeito eleito Marquinhos Trad, do PSD, no próximo dia 16 de dezembro, às 19 horas, no Centro de Convenções Rubens Gil de Camilo, em Campo Grande. A informação foi confirmada pelo presidente da Casa de Leis, vereador João Rocha, do PSDB. 

"Sobre a diplomação, é o TRE que cuida disso, mas de forma informal esse evento acontece no dia 16 de dezembro, às 19h, no Palácio Popular da Cultura", explica. O parlamentar explicou que até o momento a Câmara Municipal não foi comunicada oficialmente, mas que a data já está marcada. 

Sobre a posse dos eleitos no pleito de 2016, João Rocha afirma que a data acontece no dia 1º de janeiro de 2017, às 17 horas, também no Centro de Convenções Rubens Gil de Camilo. 

Para o próximo ano, além do prefeito eleito Marquinhos Trad, do PSD, que assume o Poder Executivo municipal. Assumem o Poder Legislativo, os seguinte vereadores. 

Ao todo, retornam à Casa, 11 parlamentares que foram reeleitos e 18 são uma mistura de parlamentares de primeiro mandato com vereadores que já tiveram mandatos em outras épocas como: Dr. Loester, do PMDB, Antônio Cruz, do PSDB, e Valdir Gomes, do PP.  

Veja como fica as bancadas para o próximo ano: 

PSDB
Retornam o atual presidente da Casa de Leis, vereador João Rocha; e Lívio Viana que foram reeleitos e que são da atual legislatura. Logo depois vem o policial federal, André Salineiro, o mais votado nessa eleição; Júnior Longo; Delegado Wellington; João César Mattogrosso; e o ex-deputado federal, Dr. Antonio Cruz. Maior bancada na Câmara.
 
PP
Os três vereadores do Partido Progressista foram o segunda maior bancada. Retorna o atual presidente municipal do PP, vereador Cazuza da atual legislatura. Logo depois, assume a atual secretária da Sedesc, Dharleng Campos, e o ex-vereador que volta ao local depois de 15 anos, o servidor público, Valdir Gomes. 

PRB 
Retornam os vereadores Gilmar da Cruz, e Betinho. 

PSB
Retorna o vereador Carlos Augusto, da atual legislatura. E o partido passa a ter mais um parlamentar, veterinário Francisco. 

PMDB 
Retorna o vereador Paulo Siufi, mas que deixa a Casa, uma vez que é suplente na Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul. E suplente nesta legislatura, e agora, retornando em definitivo, está o médico Dr. Loester que fecha o quadro do PMDB, uma dos partidos que diminuiu consideravelmente na Casa de Leis. 

Solidariedade 
O partido também renova na Casa e passa a ter como vereadores: o radialista Lucas de Lima, e Papy.

PSD
Retonar Chiquinhos Telles, e o partido passa a ter um novo nome, o Enfermeiro Fritz. 

PDT 
A bancada é formada por novos vereadores, Odilon de Oliveira Junior, filho do juiz federal Odilon de Oliveira. E Ademir Santana. 

PTB
Retorna o vereador Otávio Trad. 

PT
Retorna Ayrton Araújo, único representante do PT, que chegou a ter três parlamentares neste legislatura. 

Rede 
Retorna Eduardo Romero

DEM
Renova com Vinícius Siqueira 

PMN 
O partido passa a incorporar o quadro de partidos na Câmara Municipal. William Maksoud. 

PTN 
Também passa a incorporar o quadro de partidos na Casa de Leis, e tem como parlamentar a Enfermeira Cida Amaral. 

PTdoB
O partido que chegou a ter três vereadores e ficou sem no final desta legislatura, retorna no próximo com o Pastor Jeremias Flores.

Veja também