TCE Julho  17 a 19/07 e 22 a 25/07
(67) 99826-0686
Gov - PPA 23 a 27/07

Segurança da Caixa Econômica constrange e intimida servidora em MS

Servidora relata problemas para entrar em porta rotatória e grosseria da parte da segurança da instituição

26 JUN 2019
Nathalia Pelzl
19h00min
Foto: Repórter Top

Com grosseria e constrangimento, assim uma servidora pública, que prefere não se identificar, foi tratada em um banco da Caixa Econômica, no final da manhã de segunda-feira (24), em Anastácio, município distante a 145 quilômetros de Campo Grande.

Ao TopMídiaNews, ela contou que foi intimidada por um segurança do local, que não deixou ela passar pela porta giratória, mesmo tirando os itens como celular e chaves que estavam  na bolsa.

“Eu fui ao banco na hora do almoço, fui com bolsa, tinha um segurança na porta giratória e segui a recomendação, tirei o celular e a chave e mesmo assim a porta travava. A bolsa tem vários detalhes. Aí eu falei que a bolsa estava cheia, ele me mandou tirar tudo. Simplesmente mandou tirar remédio, outras coisas e disse que não queria nem saber”, revela.

A servidora comenta que ainda questionou o segurança do local se ficaria ‘proibida’ de entrar na agência por causa da bolsa.

“Falei que ele deveria ter saído e revistado minha bolsa, e não mandar eu jogar tudo. Pedi o nome e ele se recusou a me passar, tentou me intimidar, me encarando, passei constrangimento com o banco cheio. Aí me pergunto, sou uma pessoa esclarecida e fui tratada dessa forma, imagina as pessoas mais humildes que frequentam o banco? Lá é um banco popular. Fico indignada, sei que são procedimentos, só que ele deveria ter usado o bom senso, sem precisar tratar as pessoas mal, com desprezo. Ninguém do banco fez nada”, desabafa.

Ela comenta que procurou a empresa que o segurança trabalha, sendo que não houve posicionamento por parte da mesma. “Liguei na empresa, ficaram de me dar um retorno e até agora não me passaram”.

A reportagem procurou a assessoria de imprensa do banco,  que informou que o foca é na satisfação do cliente, sendo que,  não recebeu nenhuma reclamação pelos canais pertinentes e destacou que, aos interessados podem procurar os gerentes gerais das unidades ou se preferir, , ligar no SAC – 0800 726 01 01, podendo registrar reclamações, sugestões, elogios, pedidos de cancelamento, informações sobre produtos e serviços. Este atendimento está à disposição 24 horas por dia, inclusive nos finais de semana e feriados.

Sobre a porta giratória, a agência informou que é utilizada para impedir acesso de pessoas armadas, nunca para criar obstáculos ou constrangimentos. Já a empresa responsável pela segurança do local informou desconhecer o fato. 

Veja também