TCE Julho  17 a 19/07 e 22 a 25/07
(67) 99826-0686
PMCG - REFIS 01 a 30/07/2019

VÍDEO: moradores registram incêndio que dura mais de 5 horas em Campo Grande

Moradores reclamam da demora do socorro; Corpo de Bombeiros está com planejamento de guarnições extras para atender demanda

25 JUN 2019
Nathalia Pelzl
13h56min
Foto: Repórter Top

Um incêndio que teve início na manhã desta terça-feira (25) está preocupando os moradores, no Jardim Inapolis, em Campo Grande. Segundo os moradores, vários lotes da Rua Aruanã estão tomados pelo fogo desde às 8h da manhã.

O morador Thiago de Melo, de 29 anos, relatou ao TopMídiaNews que a situação está sendo recorrente no bairro, sendo que as crianças são as principais prejudicadas devido ao tempo seco.

“Está sendo comum. Só essa semana já colocaram fogo em mais de dez lotes. Liguei está com 1 hora para o Corpo de Bombeiros e me informaram que todas as viaturas estão na rua combatendo chamadas de incêndio. Está complicado demais, tem muita criança no bairro, eu mesmo tenho uma filha de 9 anos”, disse à reportagem.

Ele alega que não viu quem foi o responsável pelo incêndio, sendo que só percebeu a situação quando o fogo se alastrou devido à ventania.

Corpo de Bombeiros

Em nota,  a assessoria do Corpo de Bombeiros informou que realmente está tendo uma alta demanda de incêndios em vegetação, sendo triados e priorizados os incêndios de maiores proporções e que envolvam riscos a patrimônio e a vidas.

O Corpo de Bombeiros está com planejamento de guarnições extras para atender a demanda reprimida.

Moradores registram incêndio que dura mais de 5 horas em Campo Grande from Top Mídia News on Vimeo.

Crime

Atear, provocar o incêndio é crime. Conforme previsto em lei existe sanções administrativas e penais, sendo que, quem provocar incêndio em mata ou floresta pode dar prisão de dois a quatro anos, além de multa, de acordo com a lei.  As denúncias podem ser feitas na Decat (Delegacia Especializada de Repressão a Crimes Ambientais e Proteção ao Turista), na Rua Sete de Setembro, 2.421, na Capital, ou pelo telefone (67) 3325-2567.

Repórter Top

Essa sugestão chegou através do Repórter Top. Você também pode enviar flagrantes, acidentes, denúncias, fotos, informações que podem virar notícia no nosso site, mandando via WhatsApp pelo número (67) 99826-0686.

Veja também