(67) 99826-0686
PMCG - REFIS 01 a 30/07/2019

Com demanda em alta, Governo do Estado estuda criar 'Caravana para Ostomizados'

Ao todo, são mais de 600 pacientes no Estado e a ideia é realizar cirurgias de reversão

17 JUN 2019
Luis Abraham e Maressa Mendonça
11h28min
Secretário de Estado de Saúde, Geraldo Resende Foto: André de Abreu/Top Mídia News

Em visita a Caravana da Saúde no Hospital Regional Rosa Pedrossian (HRMS) em Campo Grande, o secretário da Saúde, Geraldo Resende, disse que o Governo tem intenção de criar um mutirão para os ostomizados. Ao todo, são mais de 600 pacientes no Estado e a ideia é realizar cirurgias de reversão. Ainda não há uma data definida para isto. 

A oferta dos produtos  para ostomizados pelo Estado está deficiente desde o ano passado, o que motivou o MPE (Ministério Público Estadual) a entrar com uma ação para obrigar o governo a fornecer esses medicamentos. 

O TopMídiaNews publicou reportagens sobre as consequências da falta das bolsas de colostomia no Estado. Dentre os casos, os de pacientes com crises de alergia e outros problemas graves em decorrência da falta dos produtos. 

Resende afirmou que um convênio com a CER Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae) no valor de R$ 2,5 milhões foi firmado na última semana para regularizar a situação dos pacientes ostomizados. Ele disse ainda que haverá um cronograma para evitar que os materiais acabem novamente. 

Veja também