Menu
terça, 11 de agosto de 2020
Saúde

Mesmo com polêmicas, campo-grandense aprova medidas de Bolsonaro contra Covid

Pesquisa aponta que 48% aprova ações do presidente durante a pandemia

04 julho 2020 - 07h00Por Vinícius Squinelo

Resiliência. Essa é a marca de Jair Bolsonaro em Campo Grande durante a crise do novo coronavírus. Mesmo com uma sucessão gigantesca de polêmicas, o presidente tem índice de aprovação maior que os contrários à sua gestão na Saúde. É o que aponta pesquisa inédita do ITOP (Instituto TopMídia de Pesquisas).

O levantamento colocou 1.200 moradores de Campo Grande para responder o seguinte questionamento: ‘qual o incide de aprovação em relação às medidas tomadas contra a pandemia da Covid-19 pelo presidente Jair Bolsonaro?’. 

Dos entrevistados, 46% afirmou que aprova as medidas presidenciais, contra 38,5% que opinou desaprovar. Outros 15,5% não souberam ou não quiseram responder à pergunta.

A gestão Bolsonaro na crise do Sars-CoV-2, o novo coronavírus, tem sido marcada por controvérsias. Duas trocas no Ministério da Saúde, inclusive do sul-mato-grossense Luiz Henrique Mandetta, além de discurso e ações contra o isolamento social, medida recomenda pela Organização Mundial da Saúde.

O levantamento do ITOP foi realizado nas sete regiões de Campo Grande, com pessoas acima dos 16 anos e respeitando orientações estatísticas da formação social da cidade. 

A margem de erro máxima estimada é de 2,9 pontos percentuais para mais ou para menos dentro de um nível de confiança de 95% sobre os resultados.

Leia Também

Grávida leva 22 facadas do marido e perde bebê no DF
Geral
Grávida leva 22 facadas do marido e perde bebê no DF
URGENTE: Marquinhos Trad proíbe consumo de bebidas em bares e locais públicos
Cidade Morena
URGENTE: Marquinhos Trad proíbe consumo de bebidas em bares e locais públicos
Secretário de Saúde de Dourados deixa cargo um dia após assumir
Política
Secretário de Saúde de Dourados deixa cargo um dia após assumir
Projeto que pede criação de espaço de descanso para entregadores delivery é aprovado na Câmara
Política
Projeto que pede criação de espaço de descanso para entregadores delivery é aprovado na Câmara